O Centro de Referência de Assistência Social Gelson Pinheiro (CRAS da Rua do Fogo), em parceria com a Associação de Moradores do bairro São Matheus, realizou no último sábado (21) uma ação social, no bairro. Durante o evento, foram oferecidos diversos serviços gratuitamente. Os participantes também receberam informações de como ter acesso aos Programas Sociais oferecidos pelo Governo Federal. O CRAS da Rua do Fogo é um dos equipamentos pertencentes a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos.

“Estas parcerias são muito importantes para levarmos a informação e os serviços oferecidos pelo CRAS a um número maior de pessoas. Os profissionais vão direto à população, com quem precisa ter acesso aos seus direitos. Sempre estamos presentes nestas ações, pois o nosso objetivo é promover a dignidade das famílias”, disse a Secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ester Marques.

Os profissionais fizeram atendimento técnico social, palestras sobre serviços ofertados pelo CRAS e divulgaram dias e horários de funcionamento. Os participantes também receberam orientação e encaminhamentos para rede socioassistencial, sobre cadunico/bolsa família. Durante o dia foi realizada, ainda, consulta no sistema e inscrição no CadÚnico, das pessoas que preencheram os critérios estabelecidos pelo Governo Federal. 

CadÚnico– A inscrição no Cadastro Único deve ser feita por uma pessoa da família, na sede do Programa Bolsa Família, localizada a rua Nilo Peçanha, 45-Centro ou em um dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras). Para fazer o cadastro, é necessário apresentar os seguintes documentos: RG e CPF de todos os moradores da residência, independentemente de idade; título de eleitor, carteira de trabalho, comprovante de residência, certidão de nascimento e declaração escolar das crianças e adolescentes de 6 a 17 anos. Com base nas informações do cadastro, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) avalia se a família tem ou não perfil para entrar no programa , que é voltado para famílias pobres e extremamente pobres. O valor repassado varia conforme o número de membros da família, idade e renda declarada.

Fechar Acessibilidade