Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

Ação social voltada às mulheres é sucesso em São Pedro da Aldeia

Por Gabrielly Costa em 20/05/2016
Imagem da Notícia: As mulheres de São Pedro da Aldeia contaram com uma programação especial durante a última quinta-feira (19), com a oferta de atendimento multiprofissional voltado à garantia de direitos realizado na Praça Agenor Santos (Praça da Matriz), no Centro. Resultado de uma parceria entre a Prefeitura e a Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, o município recebeu a visita do ônibus Lilás, uma unidade móvel de atendimento à mulher da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres do Estado. Foram oferecidos serviços de saúde e beleza, encaminhamentos, orientações e o atendimento especializado de advogado, assistente social e psicólogo da rede municipal. A secretária e a subsecretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ester Chumbinho e Olívia Sá, participaram do evento.

As mulheres de São Pedro da Aldeia contaram com uma programação especial durante a última quinta-feira (19), com a oferta de atendimento multiprofissional voltado à garantia de direitos realizado na Praça Agenor Santos (Praça da Matriz), no Centro. Resultado de uma parceria entre a Prefeitura e a Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, o município recebeu a visita do ônibus Lilás, uma unidade móvel de atendimento à mulher da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres do Estado. Foram oferecidos serviços de saúde e beleza, encaminhamentos, orientações e o atendimento especializado de advogado, assistente social e psicólogo da rede municipal. A secretária e a subsecretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ester Chumbinho e Olívia Sá, participaram do evento.



“Qualquer ação que busque incentivar o empoderamento da mulher é muito importante. O que fizemos nessa parceria com o Governo do Estado foi justamente isso, empoderar, sensibilizar e acolher a mulher aldeense. Fiquei muito feliz em ver a participação em peso da população, que aproveitou mais um dia ao lado da nossa equipe”, afirmou a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ester Chumbinho.



A unidade móvel do Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência contra a Mulher possui duas salas adaptadas e equipadas com impressora e notebook para uma equipe multidisciplinar. Em São Pedro da Aldeia, os atendimentos no ônibus foram prestados pela advogada, psicóloga e assistente social do Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS) Luiza Magdalena dos Santos. Na ocasião, a Secretaria Municipal de Saúde ofereceu serviços de aferição de pressão, medição de glicose e distribuição de kits e panfletos sobre doenças sexualmente transmissíveis.



Representando o Governo Estadual, a superintendente de Políticas Intersetoriais para as Mulheres, Ana Maria Amaral, falou sobre a iniciativa. “A equipe multidisciplinar está presente no evento para orientar as mulheres quanto aos seus direitos e o que podem fazer, para que decidam se vão denunciar ou não seu agressor. Isso é uma escolha da mulher, por isso, nossa preocupação é orientá-la para que tome a melhor decisão. Agradeço a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, que nos ofereceu todo o suporte necessário para o evento”, declarou.



Diversos serviços foram oferecidos em tendas espalhadas pela praça. A mobilização contou ainda com a oferta de encaminhamentos para a realização de preventivo e mamografia, assessoria jurídica prestada pela Defensoria Pública, orientações de técnicos da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, além de representação do Ministério do Trabalho, com encaminhamentos para emissão de 1ª e 2ª via da carteira de trabalho, sem necessidade de agendamento. Também participaram do evento a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), com serviços de beleza, o grupo Amigas da Mama, com orientações sobre o câncer de mama, e a APAE.



Para a subsecretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Olívia Sá, o fortalecimento da figura feminina na sociedade é fundamental para a erradicação da violência contra a mulher.



“Estamos dando visibilidade à causa e fazendo um enfrentamento à violência contra a mulher. Esse contato direto com a população é muito importante para começarmos a traçar um diagnóstico e, futuramente, pensar num equipamento no município para atender essa demanda, que ainda é invisível. Tivemos um dia de festa, com vários setores da sociedade e da garantia de direitos trabalhando, mas também de sensibilização por saber que nos reunimos por uma questão de violência, mas já temos políticas públicas voltadas a esse fim”, destacou Olívia.



A iniciativa integrou o programa federal “Mulher, Viver Sem Violência” e já percorreu 26 municípios do Rio de Janeiro. Para o evento em São Pedro da Aldeia, a Subsecretaria de Políticas para as Mulheres disponibilizou um totem interativo do projeto “Via Lilás” para denúncias e informações sobre direitos e serviços, além de distribuir material informativo sobre a Lei Maria da Penha.



“O governo Cláudio Chumbinho está de parabéns pela iniciativa deste trabalho. Realizamos uma ação social especificamente para o atendimento à mulher. Nosso objetivo é unir esforços no sentido de tentar amenizar as questões relativas ao combate à violência”, disse a diretora de Direitos Humanos, Alba Guimarães.



Também estiverem presentes no evento a diretora da Gestão SUAS, Jane Ferreira, a secretária executiva do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Shirley Simões, e a conselheira tutelar Adriana Evangelista, entre outros.