Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

CMDCA promove curso de capacitação continuada para conselheiros municipais

Por Renata Souza em 23/10/2017
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Assistência Social e Diretos Humanos, iniciou nesta segunda-feira (23) a capacitação para Conselheiros Tutelares e membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). A palestrante Viviane Acosta é a responsável pelo curso, que aborda “A Atribuição dos Conselheiros Tutelares e do CMDCA” e segue até esta terça-feira (24), das 8h30 às 17h, na sede da Associação Comercial, Turística, Industrial e Agrícola do município (Aciaspa). A Secretária Adjunta de Assistência Social e Direitos Humanos, Olívia Sá, fez a abertura da capacitação.


Com apoio da Prefeitura de São Pedro da Aldeia, o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente iniciou nesta segunda-feira (23) a capacitação para Conselheiros Tutelares e membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA). A palestrante Viviane Acosta é a responsável pelo curso, que aborda “A Atribuição dos Conselheiros Tutelares e do CMDCA” e segue até esta terça-feira (24), das 8h30 às 17h, na sede da Associação Comercial, Turística, Industrial e Agrícola do município (Aciaspa). A Secretária Adjunta de Assistência Social e Direitos Humanos, Olívia Sá, fez a abertura da capacitação.



Na ocasião, Olívia falou sobre a importância da capacitação continuada. “A capacitação para o Conselho Tutelar é de fundamental importância para o enfrentamento às demandas de violência contra crianças e adolescentes no município e somente através da aquisição de conhecimento, do debate e da construção coletiva que serão elaboradas as estratégias para esses enfrentamentos e para o fortalecimento da rede de proteção a esse público”, disse. 



A Secretária Adjunta destacou ainda a importância da participação de todos neste processo. “Somos sabedores que existem legislações específicas e voltadas a esse fim, mas, também sabemos que papel não faz proteção, palavras também não. Quem acolhe, escuta e acessa a rede de proteção são as pessoas e pessoas precisam ser capacitadas a fim de que o atendimento seja qualificado e o mais humanizado possível, já que a responsabilidade com esse público, que é o público prioritário para as políticas públicas, é enorme e de todos: família, sociedade e Estado”, explicou.



A presidente do CMDCA, Luciana de Oliveira, explicou o objetivo do curso. “É um trabalho de fortalecimento da rede e de qualificação dos conselheiros tutelares, que atuam no direito da criança e adolescente. Estamos realizando esses cursos periodicamente, pois assim nos mantemos atualizados e mais preparados para encarar os desafios diários”, disse.



A capacitação contou com a participação de conselheiros governamentais e não-governamentais, além de técnicos da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos.



A palestrante Viviane elogiou a iniciativa. “Agradeço a Secretaria e ao CMDCA pelo convite e parabenizo por cumprir, com excelência, a exigência de capacitação continuada. Estou passando conteúdos que serão muito bem aplicados pelos conselheiros, Conselho e rede de proteção, resultando em ganhos para todos os segmentos voltados para os Direitos Humanos”, afirmou.



Viviane Acosta foi conselheira tutelar em Macaé e consultora nacional na Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em Brasília. É formada em Comunicação Social, com pós-graduação em Comunicação Empresarial, Direitos Humanos na Escola e está concluindo Docência Superior.