Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

Vila Naval se consagra tricampeão do sub11 no 32º Fest Verão

Por Raíra Morena em 03/04/2015
Imagem da Notícia: A última quinta-feira (02) foi de grandes partidas e muita emoção em mais uma noite de beach soccer no 32º Fest Verão. Pela categoria sub11, o Vila Naval consagrou-se tricampeão das areias aldeenses vencendo o Baleense por 6 a 4. Nas disputas válidas pela semifinal do Veterano, o invicto Olaria manteve a campanha impecável com a vitória de 9 a 3 contra o Copo Cheio. No jogo de fundo, muita rivalidade e adrenalina na briga por uma vaga na final entre o Mossoró e o 22 de Julho. Decidido na prorrogação, o confronto terminou em 7 a 6, com a vantagem para a equipe do bairro Mossoró. Com o resultado, Olaria e Mossoró se enfrentam no sábado (04) em busca do título da competição.O Prefeito Cláudio Chumbinho, o Secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico, Ordem Pública e Esportes, Edmilson Bittencourt e o vereador Franklin da Escolinha participaram da entrega dos troféus e medalhas aos campeões e vice-campeões mirins. O 32º Fest Verão continua até o próximo sábado (04) no Centro da cidade, com programação totalmente gratuita. O encerramento terá como destaque a grande decisão do beach soccer Adulto, com a participação de atletas da Seleção Brasileira e grandes clubes cariocas. Na programação musical, shows de Glauco Zulo e Swing & Simpatia a partir das 23h.

A última quinta-feira (02) foi de grandes partidas e muita emoção em mais uma noite de beach soccer no 32º Fest Verão. Pela categoria sub11, o Vila Naval consagrou-se tricampeão das areias aldeenses vencendo o Baleense por 6 a 4. Nas disputas válidas pela semifinal do Veterano, o invicto Olaria manteve a campanha impecável com a vitória de 9 a 3 contra o Copo Cheio. No jogo de fundo, muita rivalidade e adrenalina na briga por uma vaga na final entre o Mossoró e o 22 de Julho. Decidido na prorrogação, o confronto terminou em 7 a 6, com a vantagem para a equipe do bairro Mossoró. Com o resultado, Olaria e Mossoró se enfrentam no sábado (04) em busca do título da competição.O Prefeito Cláudio Chumbinho, o Secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico, Ordem Pública e Esportes, Edmilson Bittencourt e o vereador Franklin da Escolinha participaram da entrega dos troféus e medalhas aos campeões e vice-campeões mirins. O 32º Fest Verão continua até o próximo sábado (04) no Centro da cidade, com programação totalmente gratuita. O encerramento terá como destaque a grande decisão do beach soccer Adulto, com a participação de atletas da Seleção Brasileira e grandes clubes cariocas. Na programação musical, shows de Glauco Zulo e Swing & Simpatia a partir das 23h.
Para o Secretário de Governo Desenvolvimento Econômico, Ordem Pública e Esportes, Edmilson Bittencourt, o encerramento do 32º Fest Verão no próximo sábado promete marcar a realização de mais um evento de sucesso na cidade. "A expectativa é muito grande para que a gente feche com chave de ouro esse Fest Verão. Estamos na reta final de todas as categorias, cada disputa mais acirrada e emocionante do que a outra, com as arquibancadas lotadas, presença das famílias e torcidas organizadas dos bairros, sempre com muita alegria e diversão. No sábado pós-feriado a gente espera também uma gama maior de turistas na cidade e temos certeza de que o encerramento mais uma vez será de muito sucesso", disse.
Abrindo a programação da última quinta-feira (02), a decisão da categoria sub11 entre os invictos Vila Naval e Baleense animou familiares e amigos, que compareceram à arena da Praia do Centro para torcer pelos clubes. No primeiro período, Lucas Muniz aproveita a saída de bola para fazer o primeiro gol para o Vila Naval. O empate vem aos oitos minutos com Miguel Eduardo. Em seguida, o Vila Naval abre dois na frente com Lucas e Rafael Henrique. No segundo tempo, a vantagem para o time da Base passa para 5, com mais um gol de Rafael Henrique e um gol contra de João Viana, do Baleense. Depois de se livrar da marcação, Igor diminui a diferença e deixa o placar em 5 a 2. No terceiro período, a equipe da Baleia avança depois do gol de rebote de Miguel Eduardo. Aos quatro minutos, o capitão  Talles aproveita a falha do goleiro e faz o sexto gol da Vila. Aos cinco, o Baleense tem a última boa chance de encostar no placar com o pênalti marcado a favor do time, mas, na cobrança, Maxwell desperdiça e chuta para fora. Final de jogo: 6 a 4 para o Vila Naval, que agora acumula o terceiro título do campeonato.
Feliz com o título do campeonato, Roberto Alves destacou o desempenho do Vila Naval durante a competição. "Foi um jogo difícil, a outra equipe também está de parabéns, sabemos do belo trabalho que o treinador José Maria faz, mas claro que estamos muito felizes com esse título. Conseguimos chegar invictos à final, fruto de muito trabalho de toda a comissão técnica e dos atletas. A estrutura do Fest Verão é excelente, é o campeonato mais organizado e bem preparado da Região dos Lagos e isso para as nossas crianças é muito bom. O Beach Soccer em São Pedro da Aldeia hoje é o esporte da cidade. Parabéns à Prefeitura por esse incentivo", disse o presidente do clube, fundado em 1992, com núcleos de treinamento nos bairros Estação e Centro.
A entrega dos troféus e medalhas aos campeões do Vila Naval e vice-campeões do Baleense foi feita pelo Prefeito Cláudio Chumbinho, pelo Secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico, Ordem Pública e Esportes, Edmilson Bittencourt e pelo vereador Franklin da Escolinha. Na ocasião, com o apoio de empresas parceiras, houve também sorteio de brindes, dentre eles dois relógios e duas bicicletas, para atletas de ambas as equipes, além da entrega simbólica do cheque no valor de R$ 500,00 para os grandes campeões. Pelo sub11, o título de artilheiro foi para Anderson Luiz do Bom Exemplo, com 9 gols marcados no torneio. Já o troféu de Goleiro Menos Vazado ficou com Adriel Oliveira do Vila Naval, com 12 gols sofridos ao longo da competição.
Dando continuidade à programação de beach soccer, as disputas válidas pela fase semifinal da categoria veterano atraíram torcidas e admiradores do esporte às arquibancadas cobertas na Praia do Centro. No primeiro jogo classificatório, duelo de muitos gols entre o Olaria Atlético Clube e o Copo Cheio Futebol Clube. O primeiro período termina com vantagem de 6 gols para a equipe do bairro Morro do Milagre contra apenas dois dos representantes do Porto da Aldeia. Pelo Olaria, marcaram Santos (4), Marcio Marinho (1) e Marcos Marins. Pelo Copo Cheio, os autores foram José Elisio e Ricardo. No segundo período, o Olaria se mantém no domínio e amplia a diferença com um gol marcado por Nenem. Na volta para o terceiro tempo, Ricardo ainda diminui para o Copo Cheio, mas Marcos Pereira e Santos selam a goleada do Olaria por 9 a 3. 
Autor de cinco dos nove gols marcados pelo Olaria, Sérgio Alves, o Santos, comemorou a volta às areias e a classificação do time para a final. "Eu estava lesionado, não pude participar do último jogo, mas nesse eu pude jogar e vim com muita garra. Agora é continuar com muita concentração e foco na final", disse o atleta de 45 anos de idade, há quatro anos defendendo a camisa azul e branca pelo Morro do Milagre. Tradicional no futebol de campo, o Olaria segue invicto nas areias, sob o comando do treinador Ismail Prevato (Russo), em busca do tetracampeonato consecutivo do Fest Verão.
Torcedora assídua do Olaria Atlético Clube, a auxiliar de creche Carolina Soares foi com a família, o marido e os filhos, curtir a programação na arena da Praia do Centro. "São mais de cinco anos acompanhando o Olaria, a gente vem de uma história longa no campo e agora também arrebentando na areia. O nível da competição tá excepcional, o empenho de todos os atletas é algo muito bonito e emocionante. A organização e a estrutura para as torcidas também está muito boa. Com certeza no sábado vamos voltar com toda a força para ver o Olaria ser campeão", disse a moradora do Poço Fundo, confiante na equipe.
Mais acirrado da competição até o momento, o confronto de fundo entre Mossoró F. P. e 22 de Julho S. C. foi marcado por muita tensão, rivalidade e ânimos exaltados até os minutos finais. No primeiro período, Mossoró termina na frente com Helton (2) e Dinho (1) contra dois gols do 22 de Julho, descontados por Alex. No segundo tempo, Dinho, de bola parada, aumenta para o Mossoró, mas Luiz Carlos encosta no placar marcando o terceiro gol para a equipe do Porto da Aldeia. Aos 10 minutos, Helton se livra da marcação para fazer o quinto gol do Mossoró. No terceiro e último período, Alex aparece novamente e marca mais um para o 22 de Julho, no rebote. Em seguida, João Carlos chuta forte e deixa tudo empatado. As tentativas seguem dos dois lados, mas o desempate chega somente aos 10 minutos de jogo com Dinho, colocando o Mossoró na frente. Com três minutos para o término da partida, o 22 de Julho iguala novamente o placar com o gol de Wagner, deixando tudo em 6 a 6. Na prorrogação, a tensão e a ansiedade de ambos os lados eram nítidas. O gol classificatório veio aos dois minutos e seis segundos de jogo com Dinho, em noite inspirada, selando a vitória eletrizante do Mossoró por 7 a 6.
Para o treinador do Mossoró, Marcelo Cunha, a força emocional do grupo fez a diferença. "Tivemos um jogo muito difícil contra o 22 de Julho, o nosso time vem com poucos titulares, a maioria dos jogadores infelizmente estão lesionados, mas deu tudo certo. O importante é que a garra e a união prevaleceram. Vamos fazer tudo para levar esse título", disse o técnico. Autor de quatro gols ao total, um deles responsável pela vitória do Mossoró, Dinho falou sobre as expectativas para a grande final do Veterano. "Foi uma emoção muito grande ter ajudado os meus companheiros a pôr o nosso time na final mais uma vez. A gente sabe que o Olaria é uma grande equipe, vamos entrar com grande respeito, mas jogando igual jogamos essa partida, apostando na garra, na união e no talento de cada jogador", destacou o camisa 10.