400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

CRAS do Morro do Milagre e Rua do Fogo recebem ação do Outubro Rosa

Por Raíra Morena em 15/10/2014
Imagem da Notícia: Dando continuidade às ações do Movimento Outubro Rosa, a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por intermédio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos em parceria com as Unidades Básicas de Saúde, promoveu, na manhã desta quarta-feira (15), mais duas mobilizações voltadas para a conscientização, prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. As ações aconteceram nos CRAS dos bairros Morro do Milagre e Rua do Fogo com a participação do Grupo de Idosos. A programação ofereceu orientações, palestras sobre a Saúde da Mulher, coleta e agendamento de preventivo, encaminhamento para marcação de mamografia e aferição de pressão arterial.

 

Dando continuidade às ações do Movimento Outubro Rosa, a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por intermédio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos em parceria com as Unidades Básicas de Saúde, promoveu, na manhã desta quarta-feira (15), mais duas mobilizações voltadas para a conscientização, prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. As ações aconteceram nos CRAS dos bairros Morro do Milagre e Rua do Fogo com a participação do Grupo de Idosos. A programação ofereceu orientações, palestras sobre a Saúde da Mulher, coleta e agendamento de preventivo, encaminhamento para marcação de mamografia e aferição de pressão arterial.

No CRAS da Rua do Fogo, a mobilização reuniu um grupo de cerca de 30 idosos que receberam atendimentos em saúde e participaram da palestra promovida pela enfermeira-chefe da unidade básica de saúde da localidade, Eliane Miranda. Na ocasião, a profissional de saúde abordou o significado do Movimento, forneceu orientações sobre o auto exame das mamas e destacou a importância da realização dos exames clínicos para a prevenção e detecção precoce do câncer de mama. 

Como prevenção e combate à doença, a principal indicação é o exame de rotina. A recomendação médica é de que as mulheres façam um diagnóstico anual a partir dos 40 anos ou dos 35 anos se houver histórico familiar da doença. Quanto mais cedo o diagnóstico, maior a probabilidade de cura”, ressaltou a enfermeira. Além da coordenadora do CRAS, Isabel Cristina, o evento contou com a participação da equipe técnica da unidade.

Já no bairro Morro do Milagre, ao longo da manhã, jovens e idosos também receberam orientações e serviços de saúde. No CRAS da localidade, a palestra foi ministrada pela enfermeira Cristina Vidal, que também realizou agendamento para preventivo e aferição de pressão arterial. A coordenadora do CRAS, Carla Barbosa, falou sobre a parceria com os profissionais dos postos de saúde nas ações socioeducativas desenvolvidas dentro dos CRAS. 

“É muito importante essa parceria com as unidades básicas de saúde, oferecendo não só encaminhamentos e requisição de exames, mas também atuando no esclarecimento à população, tirando dúvidas e dando orientações sobre a prevenção do câncer de mama e câncer do colo de útero”, disse.

Para a aposentada Maria Raimunda da Conceição, usuária há mais de sete anos do CRAS Morro do Milagre, o alerta à população é de grande importância. “Hoje eu vim especialmente para essa ação e acredito que era isso que a gente precisava. O câncer de mama é uma doença muito triste, mas que tem muita chance de cura se for descoberto cedo. Por isso, essa iniciativa é muito importante e serve de alerta para nós aqui do CRAS”, destacou a aldeense.


A coordenadora da Proteção Básica e Especial da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Wânia Arruda, acompanhou a programação, representando a Secretária da pasta, Ester Chumbinho.