400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Educação de Jovens e Adultos realiza evento de abertura do ano letivo

Por Mônica Marins em 10/02/2014
Imagem da Notícia: A prefeitura de São Pedro da Aldeia através da Secretaria de Educação, reuniu todos os professores que atuam na Educação de Jovens e Adultos (EJA) para o planejamento do ano letivo de 2014. A reunião aconteceu no Colégio Estadual Feliciano Sodré e contou com a palestra da professora Mariza Brum sobre o tema: “Quem é o aluno da EJA”. De acordo com a palestrante, alunos e professores possuem conhecimentos e experiências que podem ser transmitidos.

A prefeitura de São Pedro da Aldeia através da Secretaria de Educação, reuniu todos os professores que atuam na Educação de Jovens e Adultos (EJA) para o planejamento do ano letivo de 2014. A reunião aconteceu no Colégio Estadual Feliciano Sodré e contou com a palestra da professora Mariza Brum sobre o tema: “Quem é o aluno da EJA”. De acordo com a palestrante, alunos e professores possuem conhecimentos e experiências que podem ser transmitidos.

Durante o encontro os professores receberam informações sobre as diretrizes para a Educação de Jovens e Adultos. A coordenadora do EJA Adriana Campos explica: “São as ações a serem desenvolvidas pela EJA, de acordo com os objetivos traçados”.

De acordo com Adriana é imprescindível que qualquer atividade desenvolvida no âmbito escolar esteja unificada na Rede Municipal de Ensino de São Pedro da Aldeia.  Adriana informou que o curso de Educação de Jovens e Adultos tem por meta o compromisso com a educação de qualidade que possibilite ao aluno as aprendizagens fundamentais quanto à capacidade de aprender a conhecer, conviver, fazer e ser.

No município de São Pedro da Aldeia cinco escolas oferecem curso da Educação de Jovens e Adultos: E.M. Luiza Terra de Andrade, E.M. Francisco Paes de Carvalho Filho, E.M. Antônio Rodrigues dos Santos, E.Mz. José Guimarães e E.Mz. Paineira.

A coordenação da EJA está ligada diretamente à subsecretaria de Diversidade, Inclusão e Educação Integral,  cuja subsecretária é a professora Ângela Sampaio. Segundo Ângela  a modalidade da EJA é inclusiva, porque trabalha com quem não teve oportunidade de estudar na idade certa.