400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Exposição coletiva "A Arte da Diversidade" segue até o dia 5 de fevereiro em São Pedro da Aldeia

Por Raíra Morena em 18/01/2014
Imagem da Notícia: Já está aberta para visitação do público a exposição coletiva "A Arte da Diversidade", na Casa de Cultura de São Pedro da Aldeia. Promovida pela Prefeitura, através da Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, a mostra de arte contemporânea segue até o dia 5 de fevereiro com exibição de cerca de 40 obras, entre quadros, telas e esculturas. A cerimônia de abertura do evento contou com a presença da Secretária da pasta, Sandra Coelho, dos artistas expositores Elizabeth Franco, Álvaro Lopes, Franciscone Fonseca e Carlos Moraes, entre outras autoridades municipais e representantes da sociedade civil. Os horários para visitação são de segunda a quinta, das 9h às 17h, e as sextas, sábados e domingos, das 17h às 20h. A Casa de Cultura fica na Avenida Francisco Coelho Pereira, n° 255, no Centro da cidade.

Já está aberta para visitação do público a exposição coletiva "A Arte da Diversidade", na Casa de Cultura de São Pedro da Aldeia. Promovida pela Prefeitura, através da Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, a mostra de arte contemporânea segue até o dia 5 de fevereiro com exibição de cerca de 40 obras, entre quadros, telas e esculturas. A cerimônia de abertura do evento contou com a presença da Secretária da pasta, Sandra Coelho, dos artistas expositores Elizabeth Franco, Álvaro Lopes, Franciscone Fonseca e Carlos Moraes, entre outras autoridades municipais e representantes da sociedade civil. Os horários para visitação são de segunda a quinta, das 9h às 17h, e as sextas, sábados e domingos, das 17h às 20h. A Casa de Cultura fica na Avenida Francisco Coelho Pereira, n° 255, no Centro da cidade. 
Na ocasião, a Secretária de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, Sandra Coelho, parabenizou os artistas pela exposição e ressaltou que manter a Casa de Cultura em plena atividade, trazendo artistas locais e da Região, é uma das principais metas de sua gestão. 

"É muito importante estarmos abrindo a Casa para os nossos artistas. Para nós, é uma felicidade receber esta belíssima coletânea de obras de arte, uma produção de artistas nossos, à disposição da população. O Prefeito Cláudio Chumbinho incentiva muito a valorização da classe artística e a descoberta de novos talentos. Estamos com uma nova política de trabalho e, a partir deste ano, teremos um calendário intenso, pois essa é a proposta da Casa: ser um espaço aberto aos artistas e aos nossos munícipes. A nossa meta é promover, pelo menos, uma exposição por mês", ressaltou.

Pinturas sobre suportes variados, graffiti, assemblage, objetos e esculturas compõem a galeria de obras em destaque na Casa de Cultura, pertencentes ao acervo premiado de quatro artistas e acadêmicos de relevância da Região dos Lagos, dois deles moradores de São Pedro da Aldeia. Entre os trabalhos em exposição estão o quadro "Amor Sem Cor", do acervo da artista Elizabeth Franco, vencedor do prêmio de melhor obra pela Associação Brasileira de Desenho e Artes Visuais (ABD), entre outros títulos. Vale lembrar que algumas das obras também estão à venda, com preços que variam de R$ 150 a R$ 1.500.
Segundo Elizabeth, idealizadora do projeto, a proposta é estimular o diálogo entre as diversas formas, além de mostrar as potencialidades da arte contemporânea.  "Essa exposição surgiu do interesse de mostrar para o público que arte é muito mais do que óleo sobre tela, são as mensagens por trás de uma obra, os diversos estilos, do clássico ao contemporâneo, as diferentes formas, técnicas e maneiras de se expressar. Estamos recebendo um carinho e um retorno enormes da população, que se identifica com os nossos trabalhos. Agradeço mais uma vez à Secretaria de Cultura, à Secretária Sandra, por nos abrirem as portas para a realização desse evento na cidade", ressaltou a artista plástica que, ao lado de Álvaro Lopes, também está promovendo mostra de artes no Horto-Escola Artesanal, de quarta-feira a domingo, das 10h às 17h.
Membro do Fotoclube aldeense (Foca), o artista Júnior Silgueira elogiou a iniciativa da Prefeitura em incentivar os talentos da cidade. "A Casa de Cultura é a vitrine da arte, de um modo geral, de São Pedro da Aldeia. Disponibilizar esse espaço para que os artistas da cidade possam divulgar suas obras, expor os seus trabalhos e até mesmo conseguir vendê-los, é maravilhoso. Parabéns à Prefeitura por promover o desenvolvimento da cultura e o incentivo a todos aqueles que militam em prol da arte no nosso município", destacou.
Também prestigiaram o evento o vereador Adalberto Amaral, a gerente regional do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Gabriela Silgueiro, o Presidente da Associação dos Remanescentes de Quilombo de Botafogo, Roberto Santos, a Diretora de Nutrição Escolar, Noêmia Amorim, a Secretária do Rotary Clube aldeense, Marlete Machado, a coordenadora do CRAS São João, Isabel Cristina, representantes do Grupo Foca, entre outros membros da sociedade civil. A abertura da exposição contou com apresentações de arte cênica com o produtor cultural, Marcelo Corrêa, o Marcelinho, e show instrumental, com Igor Fernandes, além de coquetel.