Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

Festival de Música do IFF emociona em São Pedro da Aldeia

Por Renato Silveira em 17/10/2017
Imagem da Notícia: O Teatro Municipal Átila Soares da Costa, em São Pedro da Aldeia, foi o cenário para a culminância do curso de Extensão e Produção Musical do Instituto Federal Fluminense (IFF), que realizou um Festival de Música, envolvendo os alunos, que foram divididos em cinco bandas, em categorias diferentes. O secretário de Governo, Eronildes Bezerra e a secretária Adjunta de Cultura, Edilúcia Marques, prestigiaram o evento.

O Teatro Municipal Dr. Átila Costa, em São Pedro da Aldeia, foi o cenário para a culminância do curso de Extensão e Produção Musical do Instituto Federal Fluminense (IFF), que realizou um Festival de Música, envolvendo os alunos, que foram divididos em cinco bandas, em categorias diferentes. O secretário de Governo, Eronildes Bezerra e a secretária Adjunta de Cultura, Edlúcia Marques, prestigiaram o evento.

 

O secretário Eronildes Bezerra estava feliz com a realização do festival, que segundo ele, vem ao encontro de um desejo que alimenta desde que assumiu a pasta, que envolve, entre outras secretarias, a Cultura.

 

“Quando assumi a pasta um de meus desejos era a  realização de um festival de música, mas não encontrávamos um caminho, até que me deparei com a realização deste evento, nessa bela parceria com o IFF, que pretendemos estreitar", afirmou.

 

Divididas em categorias como rock, pop, gospel e MPB, as bandas apresentaram um repertório de três músicas cada, divididas em versões cover e composições próprias. A primeira a se apresentar foi a “Viajantes do rock”, seguida por “Class Live”, “O Chamado”, Pop Crush” e “Quinto Elemento Não Perecível”.

 

De acordo com o professor e maestro, Alberto Midon, o curso tem a duração de oito meses e envolve toda a preparação para produção musical, desde repertório, figurino, assessoria de imprensa e outros. Segundo ele o  Festival é um momento dos alunos mostrarem o desenvolvimento de seu trabalho.

 

“São vários modelos de festivais e esse, embora seja para avaliação, não é uma competição onde veremos a melhor banda ou coisa semelhante. É a culminância de nosso curso”, explicou.

 

Para Thiago Ruivago, aluno do curso e músico assíduo nas noites aldeenses, o festival é uma oportunidade para todos mostrarem suas performances em público.

 

“Temos no curso pessoas que já trabalham na área e outros adquirindo experiência, esse festival é um excelente momento para esse aprendizado", disse ele.