400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Guerreiro vence e se classifica invicto para a grande final do 33º Fest Verão

Por Raíra Morena em 23/04/2016
Imagem da Notícia: Os jogos classificatórios para a fase final do 33º Fest Verão lotaram a arena da Praia do Centro na última sexta-feira (22). Pela categoria Adulto, o imbatível Guerreiro Futebol de Praia conquistou sua quinta vitória consecutiva na competição e segue invicto para a grande final, após superar a equipe do Central Beach Soccer por 7 a 4. Pelo Veterano, mais uma semifinal acirrada nas areias aldeenses. Na disputa, o Rodoviário Futebol Clube também garantiu uma vaga na final derrotando o 22 de Julho com o placar de 4 a 3. Pela categoria Feminino, vitória emocionante do Geração Favela sobre o Só Show na cobrança de pênaltis, depois do empate em 4 a 4 no tempo regulamentar. A noite foi encerrada em grande estilo com show da cantora Danny Cassilhas e banda no palco da Praça Hermógenes Freire da Costa. Acompanharam as partidas da noite o secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico e Esportes, Edmilson Bittencourt e o Procurador Geral do município, Cristiano Oliveira. A grande final da 33ª edição do Fest Verão de São Pedro da Aldeia acontece no próximo sábado, dia 30 de abril.

               Os jogos classificatórios para a fase final do 33º Fest Verão lotaram a arena da Praia do Centro na última sexta-feira (22). Pela categoria Adulto, o imbatível Guerreiro Futebol de Praia conquistou sua quinta vitória consecutiva na competição e segue invicto para a grande final, após superar a equipe do Central Beach Soccer por 7 a 4. Pelo Veterano, mais uma semifinal acirrada nas areias aldeenses. Na disputa, o Rodoviário Futebol Clube também garantiu uma vaga na final derrotando o 22 de Julho com o placar de 4 a 3. Pela categoria Feminino, vitória emocionante do Geração Favela sobre o Só Show na cobrança de pênaltis, depois do empate em 4 a 4 no tempo regulamentar. A noite foi encerrada em grande estilo com show da cantora Danny Cassilhas e banda no palco da Praça Hermógenes Freire da Costa. Acompanharam as partidas da noite o secretário de Governo, Desenvolvimento Econômico e Esportes, Edmilson Bittencourt e o Procurador Geral do município, Cristiano Oliveira. A grande final da 33ª edição do Fest Verão de São Pedro da Aldeia acontece no próximo sábado, dia 30 de abril.



            Abrindo as partidas da noite de sexta, duelo de ânimos acirrados entre as equipes da Associação Esportiva Só Show e Geração Favela, em jogo válido pela quarta rodada da categoria Feminino. No primeiro período, o Geração larga atrás depois de sofrer um gol de Bruna Alves. No segundo tempo, Mariana Santiago iguala o placar, mas o Só Show se mantém ofensivo e marca mais dois com Maxinny (1) e Evellen (1). Aos 1’07’’ do terceiro e último período, o Geração tem boa chance de encostar no placar com cobrança de falta de Mariana, mas a camisa 7 manda direto na trave. Dois minutos depois, nova chance para o Geração também de bola parada. Na cobrança, Suzanne converte e diminui a diferença no placar. Aos quatro minutos, Suzanne comete falta na dividida com Iza, que sai sentindo a perna. Thayná assume a cobrança, chuta firme e aumenta para a equipe do Só Show, que se mantém dominante na partida.



            A partir dos seis minutos, o Geração Favela parte para cima e consegue conter o ritmo ofensivo do Só Show. Demonstrando determinação e escapando com eficiência das marcações, o Geração alcança o empate com dois gols marcados por Suzanne, deixando o placar em 4 a 4. Sem nenhum gol marcado na prorrogação, o jogo teve de ser decidido nos pênaltis. Na primeira cobrança, pelo Só Show, a goleira Thayná manda direto na trave. Na sequência, a camisa 1 se redime com bela defesa do chute de Suzanne. Logo após, Só Show e Geração Favela convertem com Daniela Willemem e Mayara Izzo, respectivamente. Na quinta cobrança, Evellen desperdiça para o Só Show, deixando a decisão nos pés de Thamaine, que converte na sexta cobrança, dando a vitória e garantindo os oito pontos para a equipe.



            Satisfeito com o resultado positivo, o treinador Felipe Soares se mostrou otimista. “Hoje nós fechamos o nosso quarto jogo e conseguimos sair em primeiro. Estamos dependendo ainda de outros resultados, mas a gente acredita que vamos nos classificar para a final. Há quatro anos nós disputamos o Fest Verão, já ganhamos três campeonatos e estamos muito felizes em estarmos aqui de novo”, disse.



O Geração Favela é resultado da parceria de quatro anos com o time aldeense do Favela e o projeto social “Geração Craque Só Na Bola”, existente há 20 anos na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Voltado para jovens na faixa etária entre cinco e 21 anos, o projeto atende cerca de 800 alunos gratuitamente com aulas de futebol, vôlei e handebol. “Este ano nós renovamos um pouco a base do nosso time, incluímos algumas atletas oriundas do projeto para dar rodagem e visibilidade a elas, para tentar fazer com que elas entrem nesse mercado do beach soccer feminino”, destacou Felipe, que também é membro da comissão de Beach Soccer masculino e feminino do Vasco da Gama/RJ. “Posso dizer que o Fest Verão é o melhor campeonato de Beach Soccer que temos. A cada ano o feminino melhora e é muito bom ver o crescimento dessa categoria e a entrada de novos times, como o Águia Branca”, ressaltou.



 Na partida seguinte, confronto decisivo entre a equipe do 22 de Julho e o Rodoviário Futebol Clube pela categoria Veterano. O primeiro tempo terminou com vantagem para o 22 de Julho, depois de gol marcado por Reginaldo. O empate chega aos três minutos do segundo tempo com Gustavo Canuto. Aos seis minutos, Samuel cruza para Beto, que amplia a vantagem deixando o jogo em 2 a 1. Com o placar apertado, o terceiro e último período se inicia com muita marcação e cartões amarelos para ambos os lados. O Rodoviário chega a abrir uma vantagem de 4 a 1, com gols de Beto (1) e Roberto Cardoso (1). De bola parada, o 22 de Julho diminui a diferença com Alex Vasconcellos e, aos 11’25, Everaldo marca mais um, deixando o placar em 3 a 4, mas já é tarde para uma virada do time do bairro Balneário. Com o resultado, os representantes do bairro Fluminense mantêm a trajetória sem derrotas no campeonato e se classificam para a final da categoria, no dia 30 de abril, como vencedores do Grupo C.



Autor de dois gols na partida, dedicados à esposa e ao filho aniversariante, o camisa 8 Carlos Roberto Mendes, o “Beto do Ajax”, falou sobre a trajetória e expectativas do Rodoviário para a final do Veterano. “Nós tivemos alguns percalços durante o campeonato, duas partidas nossas foram vencidas por W.O, mas na segunda rodada nós conseguimos fazer um bom jogo contra o Olaria, que é tricampeão aldeense. Chegamos a permitir o empate a eles, depois de estarmos na frente por 4 a 2, fomos para os pênaltis e Deus nos abençoou com a vitória. Para a final na semana que vem, a gente vai respeitar quem vier e vamos trabalhar para disputar de igual para a igual, fazendo o nosso jogo. Vamos buscar esse título e tentar tirar a hegemonia do Olaria, que já tem muitos. Está na hora de outro time comemorar como campeão e, se Deus quiser, será o nosso”, destacou o veterano de Beach Soccer na Região dos Lagos, ex atleta do Ajax e campeão também pela equipe do Mossoró.



No jogo de fundo, muita emoção na disputa da primeira semifinal da categoria Adulto/Masculino. Mais uma vez contando com a presença e apoio maciço da torcida organizada, a equipe do Guerreiro Futebol de Praia entrou em campo buscando a quinta vitória consecutiva no campeonato. A partida seguiu parelha até o término do segundo período, com destaque para a eficiência no contra-ataque e maior posse de bola do Guerreiro. No primeiro tempo, o Central terminou na frente com gols feitos por Lucas Duarte (1) e Alan Santos (1), contra um marcado por Nelito. Na volta para o segundo período, após cruzamento perfeito de Diego Westin, Igor Rangel marca de cabeça e deixa tudo igual. Aos nove minutos, Igor Rangel aparece novamente e dá belo passe para Marcos León colocar o Guerreiro na frente pela primeira vez na partida. Aos 10’40, Nelito avança fácil pelo meio de campo e chuta firme para fazer o seu segundo gol e o quarto para a equipe do Balneário, sob os gritos da torcida já em festa. Faltando 58 segundos para o fim do tempo, o capitão Diogo Catarino marca contra, diminuindo a diferença.



Na volta para o último período, Jeferson Sobreira aproveita falha do goleiro Neneca e aumenta a vantagem do Guerreiro. Aos oito minutos, o goleiro Rafael adianta para Jeferson, que desvia de Neneca e amplia mais uma vez, deixando o placar em 6 a 3. Em seguida, Paulo Victor desconta para o Central, mas o Guerreiro segue imbatível sobre o sistema defensivo adversário. O nervosismo da equipe do Central se reflete aos 9’20, quando Nelito sofre pênalti de Thyago Henrique. Na cobrança, o camisa 9 converte o seu terceiro gol, selando a vitória por 7 a 4 e a classificação invicta do Guerreiro para a grande final do Fest Verão.



Responsável por três dos sete gols da classificação do Guerreiro, Nelito comentou sobre a vitória. “Foi um jogo muito complicado, todo mundo já se conhecia dentro de quadra, de grandes competições nacionais. A gente sabia que seria difícil, mas conseguimos aproveitar os erros deles e vencer a partida. Vamos continuar trabalhando forte esta semana para a final e levar esse título de campeão”, disse o camisa 9, juntando-se à torcida que fazia a festa na arena.