400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Pescadores recebem a primeira parcela do Bolsa Auxílio em São Pedro da Aldeia

Por Luana Macêdo em 09/09/2013
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, através da Secretaria de Ambiente, Lagoa, Pesca e Serviços Públicos, em parceria com a Prolagos e o Consórcio Lagos São João, entregou nesta segunda- feira (09), na sede da secretaria, a primeira parcela do bolsa auxílio a 90 pescadores que não receberam o seguro defeso. Pescadores de São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Iguaba Grande e Arraial do Cabo, cidades para as quais a Prolagos presta serviços, receberam R$ 500 cada. Vale lembrar, que na última quarta-feira, o Prefeito e Presidente do Consórcio Lagos São João, Cláudio Chumbinho, assinou o convênio com as concessionárias Prolagos e Águas de Juturnaíba, que atendem os cinco municípios do entorno da Lagoa, para que as empresas arquem com os custos das remunerações.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, através da Secretaria de Ambiente, Lagoa, Pesca e Serviços Públicos, em parceria com a Prolagos e o Consórcio Lagos São João, entregou nesta segunda- feira (09), na sede da secretaria, a primeira parcela do bolsa auxílio a 90 pescadores que não receberam o seguro defeso.  Pescadores de São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Iguaba Grande e Arraial do Cabo, cidades para as quais a Prolagos presta serviços, receberam R$ 500 cada.  Vale lembrar, que na última quarta-feira, o Prefeito e Presidente do Consórcio Lagos São João, Cláudio Chumbinho, assinou o convênio com as concessionárias Prolagos e Águas de Juturnaíba, que atendem os cinco municípios do entorno da Lagoa, para que as empresas arquem com os custos das remunerações.  

Além da entrega dos cheques, os pescadores participaram de dinâmicas de interação e trabalho em conjunto. A organização da entrega foi pelas iniciais dos nomes e documentos de identificação. Feliz com a entrega do benefício, a Secretária de Ambiente, Lagoa, Pesca e Serviços Públicos Adriana Saad, destacou a união para a realização do projeto.

 

“Estamos conseguindo uma grande vitória com a entrega do bolsa-auxílio, é a concretização de um projeto integrado para a proteção da Lagoa. Conseguimos fechar esse convênio após a articulação do Prefeito Cláudio Chumbinho, junto ao Secretário de Estado de Ambiente, Carlos Minc. Isso é fruto da união de todos os envolvidos, juntamente com os pescadores que também terão sua responsabilidade com a Lagoa de Araruama”, afirmou Adriana.

Primeiro a receber o bolsa-auxílio, o pescador aldeense, André Luiz dos Santos Silva, falou da preocupação do governo com a classe pesqueira.

“Sou pescador desde os 19 anos e nunca tive a oportunidade de receber  esse auxílio. Muitos governantes passaram, mas nunca houve essa preocupação com os pescadores. Se não fosse essa ação, nunca conseguiríamos receber essa ajuda”, afirmou André.

O período de defeso de todas as espécies da Lagoa de Araruama termina no dia 31 de outubro. No início do próximo mês, os pescadores receberão a segunda parcela do bolsa auxílio defeso.