400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Prefeitura aldeense inicia formação de equipes de resgate do município

Por Raíra Morena em 05/11/2013
Imagem da Notícia: O Prefeito Cláudio Chumbinho e a Secretária de Saúde, Vanessa Vidal, participaram, na tarde desta terça-feira (05), na Praça da Matriz no Centro, do segundo dia de treinamento dos profissionais que vão integrar as equipes de resgate do município. Criado pela Secretaria de Saúde, o serviço inédito será destinado ao atendimento pré-hospitalar de urgência e emergência a vítimas de acidentes. Mais de 30 profissionais, entre enfermeiros, técnicos em enfermagem e motoristas, estão participando da capacitação gratuita, que termina no dia 15 de novembro.

O Prefeito Cláudio Chumbinho e a Secretária de Saúde, Vanessa Vidal, participaram, na tarde desta terça-feira (05), na Praça da Matriz no Centro, do segundo dia de treinamento dos profissionais que vão integrar as equipes de resgate do município. Criado pela Secretaria de Saúde, o serviço inédito será destinado ao atendimento pré-hospitalar de urgência e emergência a vítimas de acidentes. Mais de 30 profissionais, entre enfermeiros, técnicos em enfermagem e motoristas, estão participando da capacitação gratuita, que termina no dia 15 de novembro.

De acordo com a Secretária de Saúde, Vanessa Vidal, a implantação do serviço de resgate será um ganho muito grande para a população, uma vez que vai melhorar o atendimento à vítimas de acidentes no município. “Estamos qualificando as equipes de resgate que vão atuar no atendimento pré-hospitalar de pacientes traumatizados. Com isso, vamos melhorar a qualidade do atendimento, socorro e remoção de vítimas de acidentes, realizando seu transporte seguro e eficiente. Esse treinamento também será muito importante para o período de alta temporada que se aproxima, quando o número de acidentes tende a aumentar”, disse.

Coordenador médico do curso, Dailton Mendes Pedroso destacou a iniciativa inédita da Prefeitura em implantar o serviço de resgate do município. “Essa é uma importante iniciativa do Prefeito Cláudio Chumbinho, junto à Secretária de Saúde, Vanessa, em benefício da população. Trabalharemos em integração à Guarda Municipal e ao Corpo de Bombeiros, realizando atendimentos em toda a extensão do município, inclusive em acidentes domésticos, vias públicas e escolas. O nosso trabalho é a relação entre a qualidade na assistência e o tempo resposta dos atendimentos”, disse. Segundo Dailton, as solicitações de socorro deverão ser acionadas através do telefone, pelo 192.

Durante as aulas semanais, que têm duração de cerca de 2h, os alunos recebem conhecimentos teóricos e práticos acerca do socorro e transporte imediatos, de forma segura e adequada, a vítimas de acidentes. Técnicas, indicações e cuidados em imobilização no trauma, remoção e estabilização de vítimas no interior de veículos, monitoração cardíaca, exame e abordagem da vítima, critérios clínicos de instabilidade, capacidade de reconhecimento de situações com risco de vida potencial, entre outras instruções de conduta, manobras, protocolos e modelos de atendimento pré-hospitalar (APH) são repassados aos alunos pelos enfermeiros Dieimes Peixoto e Marcos Paraguassu, que coordenam a turma.

Para as aulas teóricas, a Secretaria de Saúde firmou uma parceria com a Guarda Municipal, que cedeu o espaço físico para uso da turma no período da manhã. De acordo com Dieimes, todos os procedimentos práticos são realizados na parte da tarde com auxílio de equipamentos específicos de resgate e salvamento, como prancha, maca, colar cervical, monitor cardíaco, respirador, entre outros materiais constituintes da unidade móvel de resgate, doada ao município pelo Governo do Estado. As aulas práticas contam ainda com a participação de voluntários para simulações de situações diversas, tais como acidentes domésticos e de trânsito.

“Durante as aulas trazemos ocorrências diversas e eventos possíveis extraídos do contexto real, do dia a dia do nosso trabalho. O foco da equipe de resgate será dar todo o suporte de vida às vítimas de trauma no atendimento pré-hospitalar, com o objetivo principal de evitar o agravamento das lesões ou até mesmo a morte. Vale destacar que todas as técnicas que estamos utilizando nos ensinamentos são imprimidas pela American Heart Association, a Associação Americana de Cardiologia”, disse.

Ao todo, serão formadas sete equipes de resgate, que ficarão baseadas no Pronto-Socorro Municipal de segunda a domingo em sistema de plantão. Inicialmente, cada equipe será composta por um enfermeiro, um técnico em enfermagem e um motorista, com apoio de um ortopedista e um cirurgião.

Ainda segundo Dieimes, além dos membros específicos das equipes de resgate, o curso também está sendo destinado aos funcionários do Pronto-Socorro Municipal. “Temos pessoal médico, de enfermagem, fisioterapia e até de Assistência Social da unidade participando dessa capacitação, pois entendemos que, após a nossa abordagem fora do hospital, é de suma importância a continuidade do atendimento correto e eficiente prestado por esses profissionais dentro do hospital a esse paciente com trauma”, disse.

O enfermeiro informou ainda que o planejamento da Secretaria de Saúde é investir na capacitação contínua das equipes. “Esse treinamento não vai ser feito somente agora nesse momento de formação das equipes, mas será realizado diariamente. Assim que estiver tudo preparado para começarmos o plantão, vamos realizar a identificação de todo o material existente na nossa unidade móvel de resgate e, em seguida, faremos novos treinamentos com as equipes”, ressaltou.

 

Ouvidora do Pronto-Socorro Municipal e motorista há 15 anos, Andréia Jordão aproveitou a oportunidade para aperfeiçoar seu trabalho e adquirir conhecimento específico na área de resgate. “Essa é a primeira vez que participo de um curso como esse e para mim está sendo maravilhoso. É uma oportunidade única oferecida pela Prefeitura ao profissional de saúde visando qualificar e aprimorar o nosso trabalho. Quando se fala em Saúde, a capacitação é fundamental. Além disso, o concurso público está batendo às nossas portas e essa preparação com certeza vai ajudar muito”, disse.

 Participaram do segundo dia de treinamento a diretora geral do Pronto-Socorro, Leylane Elias, a coordenadora geral de enfermagem do município, Rúbia Dumas e o diretor geral da Atenção Básica, Bruno Sales.


Tópicos: Pronto-Socorro , Ambulância , Resgate , Salvamento , Vítimas , Acidentes