400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Prefeitura aldeense promove palestras sobre “Igualdade Social” em unidades escolares

Por Marianne Rodrigues em 10/10/2017
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Educação, promoveu três palestras, com o tema “Igualdade Racial”, no Centro Educacional Alexis Novellino (CEAN), localizado no município de Cabo Frio. A palestra foi coordenada pela Diretoria de Promoção de Políticas Públicas da Igualdade Racial (DIPPPIR) em parceria com o Movimento Negro de São Pedro da Aldeia e contou com a participação de 62 alunos. A coordenadora de Inspeção da SEMED, Elizangela Abreu, também esteve presente no evento.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Educação, promoveu três palestras, com o tema “Igualdade Racial”, no Centro Educacional Alexis Novellino (CEAN), localizado no município de Cabo Frio. A palestra foi coordenada pela Diretoria de Promoção de Políticas Públicas da Igualdade Racial (DIPPPIR) em parceria com o Movimento Negro de São Pedro da Aldeia e contou com a participação de 62 alunos. A coordenadora de Inspeção da SEMED, Elizangela Abreu, também esteve presente no evento.     


 

De acordo com o cronograma da Diretoria de Promoção de Políticas Públicas da Igualdade Racial da SEMED, todas as unidades escolares aldeenses receberão palestras com o tema.


 

Uma das palestrantes do evento, a fisioterapeuta Karla Barreto falou sobre a importância de um olhar diferenciado. “Segundo o IBGE, 53% da população se autodeclara negro, pardo e afrodescendente, então a gente pressupõe que se deve ter um olhar diferenciado pelas políticas públicas, tanto na saúde, na educação, na assistência social e na infraestrutura”,afirmou.


 

Destinadas aos alunos do ensino médio do CEAN, as palestras abordaram os temas “Resistência negra no Brasil”, ministrada pelo diretor de Promoção de Políticas Públicas da Igualdade Racial da SEMED, Sérgio Rodrigues; “Saúde da população negra – um olhar diferenciado”, com a fisioterapeuta Karla Barreto, e “Igualdade Racial”, conduzida pelo representante do Movimento Negro aldeense, Clóvis Eduardo.