Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

Prefeitura de São Pedro da Aldeia promove sessão de cinema em favor da mulher negra

Por Mônica Marins em 13/03/2014
Imagem da Notícia: A prefeitura de São Pedro da Aldeia, através da Diretoria de Promoção das Políticas Públicas de Igualdade Racial (DIPPPIR), da secretaria de Educação, exibirá nesta sexta-feira (21) o Filme “Preciosa – uma história de esperança”. A Sessão Cineclubista acontecerá às 14 horas no Cine Estação (Avenida Nilo Peçanha, ao lado da Guarda Municipal) e apresentará o tema “A Mulher Negra na sociedade” afirmando a identidade feminina negra em relação ao contexto da educação municipal.

A prefeitura de São Pedro da Aldeia, através da Diretoria de Promoção das Políticas Públicas de Igualdade Racial (DIPPPIR), da secretaria de Educação, exibirá nesta sexta-feira (21) o Filme “Preciosa – uma história de esperança”. A Sessão Cineclubista acontecerá às 14 horas no Cine Estação (Avenida Nilo Peçanha, ao lado da Guarda Municipal) e apresentará o tema “A Mulher Negra na sociedade” afirmando a identidade feminina negra em relação ao contexto da educação municipal.

 O objetivo é iniciar a ação afirmativa da mulher negra exibindo o filme para professores da Rede Municipal de Ensino e aprofundando o debate sobre a construção dos estereótipos de beleza impostos pela grande mídia e setores da indústria de cultura de massa. Ao final da exibição haverá uma roda de debate mediada pela Andréia Fernandes, que é coordenadora responsável pela implantação da lei 10639/03 no Município e idealizadora a exibição.

 “Acreditamos que a rede de proteção de apoio pode ajudar a transformar vidas se utilizada de maneira responsável e correta. Pois o filme trata exatamente disso, de profissionais que percebem exatamente o problema atuando para saná-los.” Afirma Andréia, que é historiadora, pesquisadora e há cinco anos coordena Projeto GRIOT – pesquisa, difusão e memória em tradições afro-brasileiras.

 “Este é um dos passos que a atual gestão tem dado para capacitar nossos profissionais da educação no combate ao racismo, discriminação e preconceito em nosso município. Para isso, nada como um bom filme que nos impulsione em construir um consciente coletivo acerca do plano de valorização da identidade da mulher negra.” Afirmou o professor Sérgio Rodrigues dos Santos, que é diretor da DIPPPIR e montou a equipe com profissionais capacitados nas questões de afirmação cultural. A criação da Diretoria foi uma iniciativa do secretário de Educação Evaldo Bittencourt e tem o objetivo de implantar o Plano Nacional de Promoção de Igualdade Racial.