400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Prefeitura inaugura Escola em área Quilombola na próxima terça-feira

Por Mônica Marins em 23/05/2013
Imagem da Notícia: Como parte das comemorações pelo aniversário da cidade, a Prefeitura inaugura, nesta terça-feira (28), às 10h, a primeira Escola Municipal em área Quilombola de São Pedro da Aldeia.

Como parte das comemorações pelo aniversário da cidade, a Prefeitura inaugura, nesta terça-feira (28), às 10h, a primeira Escola Municipal em área Quilombola de São Pedro da Aldeia. Localizada em Botafogo, a escola homenageará a dona Rosa Geralda da Silveira, descendente de quilombos e fundadora do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de São Pedro da Aldeia e Cabo Frio. Na ocasião, estarão presentes o Prefeito Cláudio Chumbinho, o vice-prefeito Iédio Rosa, o Secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Evaldo Bittencourt, entre outras autoridades municipais.



De acordo com o Secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, professor Evaldo Bittencourt, a homenagem à dona Rosa faz parte do projeto de resgate da memória do povo aldeense. “Além da preservação do patrimônio cultural estamos empenhados na valorização das pessoas com suas histórias, costumes e culturas. Esta escola é uma grande oportunidade que temos, neste início de governo, de afirmarmos que queremos, de fato, respeitar o povo e suas tradições”, disse.



A Escola Municipal Quilombola Dona Rosa Geralda da Silveira vai atender a Educação Infantil e o Primeiro Segmento. Funcionando em dois turnos, atenderá cerca de 450 crianças da localidade. O começo das aulas está previsto para o mês de junho. A Secretaria de Educação está fazendo o cadastro das crianças que moram naquela área para a classificação das turmas.



Três professores foram contratados exclusivamente para comunidade. Desde o início do mês eles estão percorrendo todas as casas a fim de identificar as crianças que não frequentam a escola e as que já estudam. A Escola possui seis salas de aula, uma biblioteca, uma sala de informática e um refeitório, além das salas de professor e diretor, uma recepção e uma secretaria.



Para Evaldo Bittencourt, a implantação da primeira escola de São Pedro da Aldeia em área de quilombo é parte fundamental da história dos descendentes de quilombos que lutaram nessas terras. “Esta escola terá um currículo diferenciado, de modo a preservar e valorizar a cultura dos negros que muito lutaram nestas terras e em todo o Brasil”, explicou.



Nas chamadas “terras de quilombo”, encontra-se a comunidade negra rural de Caveira, situada no município de São Pedro da Aldeia, conforme publicação do Projeto Preservação Cultural e Apoio ao Desenvolvimento Sócio Econômico das Comunidades quilombos do Estado do Rio de Janeiro, em 1998.


A comunidade negra rural de Caveira foi considerada como remanescente das terras desapropriadas da Fazenda Campos Novos, nos anos 80. Os remanescentes das comunidades dos quilombos tiveram reconhecida a propriedade definitiva no dia 17 de junho de 2004.


Segundo o relatório sobre a Comunidade Negra Rural de Caveira, nem as divisões administrativas, que separam os municípios de Cabo Frio e São Pedro da Aldeia, nem a atuação de órgãos fundiários que regularizaram a posse da terra, fizeram apagar os laços que unem grupos familiares e orientam suas ações no sentido de reconhecimento do território que ocupam como remanescentes de quilombos.

Tópicos: Quilombola , Escola , Inauguração