400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

São Pedro Atlético Clube vence e avança para o quadrangular final da série C

Por Luana Macêdo em 11/09/2013
Imagem da Notícia: Com muita emoção e adrenalina, o São Pedro Atlético Clube (SPAC), derrotou o São Gonçalo F.C, por 3 a 1, no Waldemar Tadio, nesta quarta-feira (11) e se classificou para o quadrangular final da série C carioca. Com gols de Marlon, Felipe Lemos e Rafael Di Maria, a equipe aldeense se garantiu para enfrentar o Mangaratibense em busca da vaga na série B, em jogos de ida e volta. A primeira partida será realizada na próxima quarta-feira (18), às 15h, no Estádio Waldemar Tadio.

 

Com muita emoção e adrenalina, o São Pedro Atlético Clube (SPAC), derrotou o São Gonçalo F.C, por 3 a 1, no Waldemar Tadio, nesta quarta-feira (11) e se classificou para o quadrangular final da série C carioca. Com gols de Marlon,  Felipe Lemos e Rafael Di Maria, a equipe aldeense se garantiu para enfrentar o Mangaratibense em busca da vaga na série B, em jogos de ida e volta. A primeira partida será realizada na próxima quarta-feira (18), às 15h, no Estádio Waldemar Tadio. O Prefeito Cláudio Chumbinho e o vice-Prefeito, Iédio Rosa,  prestigiaram a partida.

Precisando da vitória para avançar de fase sem depender dos demais resultados, o São Pedro começou a partida pressionando o São Gonçalo. Já eliminado da competição, a equipe visitante viu o SPAC atacar a meta do goleiro José em busca do primeiro gol. Fazendo ataque contra defesa, não demorou para o time aldeense inaugurar o placar. Na desatenção da zaga, Marlon driblou o marcador Diogo e tirou do goleiro para fazer o primeiro gol do time da casa.

Com mais posse de bola, o São Pedro Atlético Clube dominou grande parte da primeira etapa. Mesmo com superioridade, a equipe aldeense viu o São Gonçalo deixar tudo igual no Estádio Waldemar Tadio. Na marca dos 33min jogados, o zagueiro Diogo subiu sozinho, para de cabeça, fazer  1 a 1.

Para decidir a vaga no quadrangular final, a equipe do técnico Gilson Gênio voltou para a segunda etapa com duas alterações. Rafael e Claiton, deram lugar a Rafael Di Maria e Felipe Lemos. Mandando as ações do jogo, o SPAC encurralou o São Gonçalo no campo de defesa, em busca do segundo gol. Com 24min, veio das substituições o gol que colocou novamente o São Pedro a frente do marcador. Dentro da área, Rafael Di Maria foi tocado e o árbitro assinalou a penalidade. Na marca fatal, Felipe Lemos chutou no canto esquerdo, do goleiro José fazendo 2 a 1. Para selar a classificação, aos 38min, Marcos Paulo cruzou na área e Rafael Di Maria, de cabeça,  fechou o placar em 3 a 1.  

Ao final da partida , o técnico Gilson Gênio destacou o fim de mais um ciclo e o grande desafio que o São Pedro terá na fase final da competição.

“Mais um objetivo foi cumprido, que é a nossa classificação para o quadrangular final. Lutamos muito, trabalhamos e agora é pensar no próximo desafio. Jogo decisivo é outro campeonato”, afirmou Gilson.

 

O prefeito Cláudio Chumbinho, satisfeito com  o resultado agradeceu o esforço do time e a todos que compareceram ao estádio. "Agradeço ao time e a diretoria pelo empenho e a torcida por prestigiar e incentivar o São Pedro Atlético Clube. Vamos juntos rumo a Série B. Agora é pensar na próxima partida", disse.