400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

São Pedro da Aldeia convoca população para cumprir exigências do Programa Bolsa Família

Por Keyla Marques em 07/10/2015
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Subsecretaria de Atenção Básica, convoca a população para a segunda vigência das exigências do Programa Bolsa Família. Até o dia 31 de outubro, as famílias beneficiadas devem comparecer aos postos de saúde do município para cumprir algumas regras no âmbito da Saúde para que a população possa continuar recebendo os benefícios.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Subsecretaria de Atenção Básica, convoca a população para a segunda vigência das exigências do Programa Bolsa Família. Até o dia 31 de outubro, as famílias beneficiadas devem comparecer aos postos de saúde do município para cumprir algumas regras no âmbito da Saúde para que a população possa continuar recebendo os benefícios.



O Programa Bolsa Família atende mais de 13,9 milhões de famílias em todo o território nacional. Ele atua diretamente na transferência direta de renda às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza, garantindo os direitos à alimentação e acesso à educação e à saúde.

As famílias com crianças de 0 a 7 anos precisam comparecer às Unidades de Saúde para completar o quadro de vacinação e realizar o exame antropométrico, para medição da altura da criança, caso necessário. Mulheres de 14 a 44 anos devem fazer a pesagem e as gestantes precisam apresentar o cartão de acompanhamento das consultas para comprovação do pré-natal. As beneficiárias que já tiveram seus bebês devem comparecer a mais duas consultas após o nascimento da criança.

                No primeiro semestre deste ano, o município atendeu 1.820 famílias que correspondem a mais de 39% da população, superando o mínimo exigido pelo Governo Federal. É preciso cumprir todas as normas do Programa para que a cidade continue recebendo os benefícios, por isso a Prefeitura está em ação divulgando todas às medidas necessárias.

“Essas condições são criadas não apenas para que a população receba o dinheiro, mas para garantir uma melhor qualidade de vida a todos”, disse Helen Oliveira, responsável pelo acompanhamento da condicionalidade da saúde do Programa Bolsa Família.