Brasão da Prefeitura Municipal de São Pedro da Aldeia com fita azul dedicado ao mês de Novembro em razão da campanha Novembro Azul.

Trabalho e desenvolvimento

Banner: Processo Seletivo Simplificado da Secretaria de Saúd

Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos inicia capacitação do PETI

Por Renata Souza em 18/01/2018
Imagem da Notícia: A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, realizou na Associação Comercial, Industrial, Turística e Agrícola (ACIASPA), uma capacitação para os enfermeiros responsáveis pelos postos de saúde do município. Os assuntos tratados foram relacionados ao Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). Na oportunidade, foi apresentado um formulário de identificação, que deverá ser preenchido, pelo agentes de saúde, ao identificar uma criança exercendo alguma função indevida.

 

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, realizou na Associação Comercial, Industrial, Turística e Agrícola (ACIASPA), uma capacitação para os enfermeiros responsáveis pelos postos de saúde do município. Os assuntos tratados foram relacionados ao Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). Na oportunidade, foi apresentado um formulário de identificação, que deverá ser preenchido, pelo agentes de saúde, ao identificar uma criança exercendo alguma função indevida. 


 

No primeiro momento foram capacitados os enfermeiros, que ficaram responsáveis em passar o aprendizado para os agentes de saúde. De acordo com o assessor técnico, Marcelo Alcantara, o trabalho integrado entre as secretaria e essencial para a plena funcionalidade do PETI. “Queremos identificar essa crianças e para isso é necessário uma parceria entre as Secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social e Direitos Humanos. As duas primeiras vão identificar e a Assistência, através do Programa de Erradicação Trabalho Infantil, vai realizar o acompanhamento familiar, com o objetivo de colabora com a superação da violação de direitos”, disse.  


 

Após serem preenchidos pelos os agentes, os formulários serão entregues ao Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). No último censo realizado pelo IBGE, foram contabilizados 450 crianças exercendo algum tipo de trabalho no município.