400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Técnicos da Assistência Social participam de “Estudo de Casos” sobre acompanhamento familiar

Por Gabrielly Costa em 10/06/2015
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, promoveu o encontro de todos os técnicos da pasta para analisar casos específicos de acompanhamentos familiares feitos pelos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS) no município, além de promover a socialização entre os profissionais. O “Estudo de Casos” é realizado duas vezes por ano, com as equipes das unidades. Cerca de 30 profissionais participaram do evento realizado no Teatro Municipal Dr. Átila Soares da Costa, incluindo a diretora de Direitos Humanos, Alba Guimarães, advogada do CREAS, Karina Amoedo, psicóloga do abrigo municipal, Luise Bland, e o psicólogo da Aldeia da Infância Feliz, Luiz Alexandre Costa. O próximo encontro acontecerá em novembro.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, promoveu o encontro de todos os técnicos da pasta para analisar casos específicos de acompanhamentos familiares feitos pelos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS) no município, além de promover a socialização entre os profissionais. O “Estudo de Casos” é realizado duas vezes por ano, com as equipes das unidades. Cerca de 30 profissionais participaram do evento realizado no Teatro Municipal Dr. Átila Soares da Costa, incluindo a diretora de Direitos Humanos, Alba Guimarães, advogada do CREAS, Karina Amoedo, psicóloga do abrigo municipal, Luise Bland, e o psicólogo da Aldeia da Infância Feliz, Luiz Alexandre Costa. O próximo encontro acontecerá em novembro.



Coordenadora da Proteção Social Básica e Especial, Wânia Arruda fala sobre a iniciativa. “A equipe se reúne para discutir internamente casos específicos e extremos dos acompanhamentos familiares realizados por cada equipamento. A troca entre os técnicos e o estudo que o encontro promove é muito importante para os serviços que oferecemos. No final do ano, iremos retomar o que foi compartilhado nessa primeira reunião para acompanhar a evolução dos casos. Queremos ter uma conclusão no próximo ‘Estudo de Casos’, mas sabemos que acompanhamentos podem durar o ano todo ou até mais”, explicou.



Atualmente, São Pedro da Aldeia conta seis CRAS localizados nos bairros Alecrim, Balneário das Conchas, Morro dos Milagres, Porto da Aldeia, Rua do Fogo e São João e um CREAS, no centro da cidade. Cada unidade é livre para escolher o caso que será discutido no encontro. No entanto, as equipes não identificam a famílias abordadas, usando nomes fictícios para manter sigilo.