Os interessados devem retirar, gratuitamente, as mudas no Horto Escola

A campanha comemorativa ao Dia Mundial do Meio Ambiente “Evite o fim. Preserve o meio!”, promovida pela Prefeitura de São Pedro da Aldeia, foi prorrogada. Os moradores que ainda não adquiriram suas mudas de árvores têm mais uma semana de prazo. As mudas são distribuídas de forma gratuita, com limite de duas unidades por pessoa (maior de 18 anos) e podem ser retiradas no Horto Escola, localizado na Rodovia Amaral Peixoto, km 107, no bairro Balneário das Conchas. A cada muda doada, está sendo entregue também, como brinde alusivo à campanha, uma máscara de proteção facial. Essa distribuição continuará sendo feita enquanto durar o estoque de 100 máscaras. O atendimento no local acontece de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h30.

Foto: Divulgação Sagat

Entre as espécies produzidas no Horto Escola Artesanal estão grumixama, guaquica, araçá, angico, aroeira, pau-brasil, sibipiruna, pau-ferro, pata-de-vaca, painera, oiti, jequitibá, dracena, clúsia, ora-pro-nobis, bouganville, murta, noni, abiu, jambo, castanheira, palmeiras e ipês de modo geral, além de plantas medicinais de uso consagrado, como hortelã pimenta, capim limão, citronela, guaco e erva cidreira.

O Horto Escola produz, anualmente, cerca de 30 mil espécies
Foto: Jefferson Viana

Doação de máscaras

Como parte da campanha, a Secretaria de Meio Ambiente, Lagoa e Saneamento, em parceria com a Secretaria de Agricultura, Trabalho e Pesca, disponibilizou 100 máscaras de proteção facial para serem entregues aos primeiros 100 participantes. “A ideia foi aliar essa campanha ao uso da máscara de proteção facial para que todo cidadão se sinta motivado não só a preservar o planeta, mas também a vida humana, diminuindo as possibilidades de propagação do coronavírus”, destacou o secretário de Meio Ambiente, Luciano Pinto.

Foto: Divulgação Sagat

Moradora do Balneário São Pedro, a cabeleireira Zélia Soares já garantiu a sua muda. “Nós temos que pensar no futuro dos nossos filhos e netos. Se cada morador plantasse uma árvore, já ajudaria bastante a preservar o meio ambiente para as próximas gerações”, afirmou.

Zélia Soares foi uma das primeiras moradoras a adquirir uma muda
Foto: Jefferson Viana

Clique AQUI e confira o regulamento da campanha.

Projeto de doação de mudas

Com aproximadamente 20 mil metros quadrados de área verde, o Horto Escola Artesanal de São Pedro da Aldeia é o mais importante da região em termos de produção de mudas de Mata Atlântica. O espaço mantém um projeto permanente de doação de mudas para ações ambientais realizadas por escolas, instituições sociais, empresas, igrejas e associações de moradores.

Foto: Jefferson Viana

Nos últimos dois meses, cerca de 30 espécies já foram cedidas para o reflorestamento de uma área de, aproximadamente, 8 mil metros quadrados, localizada no bairro Morro do Milagre. O trabalho visa a recomposição vegetal e restituição do ecossistema, com prioridade para espécies frutíferas, nativas e até em extinção. “A ideia é potencializar a biodiversidade local, plantando árvores que podem ajudar na preservação da fauna, especialmente de algumas espécies raras de pássaros”, destacou o secretário de Agricultura, Trabalho e Pesca, Dimas Tadeu.

Foto: Jefferson Viana
Fechar Acessibilidade