Categorias

Assistência Social e CMDCA discutem combate ao trabalho infantil

Com o objetivo de dar visibilidade às ações de combate ao trabalho infantil em tempos de pandemia, a Secretaria de Assistência Social e Diretos Humanos (SASDH) e o Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) realizaram, na segunda-feira (15/06), uma transmissão ao vivo (live) pela página do CMDCA no Facebook. Durante uma hora, foram discutidas as diversas formas de exploração e combate à mão de obra de crianças e adolescentes.

A presidente do CMDCA, Luciana de Oliveira, acredita que a live tenha sido muito esclarecedora. “Apresentamos a todos a importância de desconstruirmos os mitos sobre o trabalho infantil e também abordamos o sistema de garantia de direito da criança ser e viver como criança”, explica.

A transmissão teve como tema “Covid-19: agora mais do que nunca protejam crianças e adolescentes do trabalho infantil”. Além de Luciana, o assunto foi debatido pela técnica de referência do Programa de Erradicação ao Trabalho Infantil (PETI) e representante da comissão PETI, Wânia da Costa, a assessora técnica da Superintendência da Proteção Social Especial da SASDH e conselheira tutelar, Adriana Amarante, e a assistente social e coordenadora de Média Complexidade da Proteção Social Especial da Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, Ana Paula Rosalino.

Vale lembrar que as denúncia podem ser feitas de forma segura e anônima pelos telefones do Conselho Tutelar, (22) 2627-6570 e (22) 99733-8909, do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, (22) 2627-4550, e do Ministério Público, pelo número (22) 99610-4766.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Fechar Acessibilidade