Categorias

Curso ensina criação de abelhas nativas em São Pedro da Aldeia

 O último sábado (28), em São Pedro da Aldeia, foi marcado pela realização da primeira aula do curso gratuito de Meliponicultura, voltado à criação de abelhas nativas sem ferrão. Ao todo, 16 alunos participaram do primeiro dia de capacitação, ministrada no Horto Escola Artesanal. A ação é uma iniciativa da Prefeitura, por meio da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Pesca.

O secretário responsável pela pasta, Dimas Tadeu, acompanhou a programação no local. “A ideia da realização desse curso surgiu a partir de uma oficina que promovemos na Semana do Agricultor. Ao todo, serão cinco finais de semana de aulas e os alunos vão aprender desde o hábito das abelhas, o cuidado, os métodos de criação e captura, até as propriedades do mel. O intuito é oferecer mais uma opção de atividade e de qualificação para a população, principalmente para os agricultores. Além disso, o curso trabalha muito a questão da preservação das espécies no ambiente natural”, destacou.

Realizadas aos sábados, as aulas abordam conhecimentos teóricos e práticos para o desenvolvimento da atividade de criação das abelhas nativas sem ferrão, chamada de Meliponicultura. Com carga horária total de 9h, o conteúdo programático do curso inclui a importância ecológica das abelhas; as principais espécies de abelhas nativas para criação; suas características; técnicas de manejo; instalação de iscas; coleta de enxame; colheita e conservação de mel e própolis.

“Quando falamos em criação de abelhas sem ferrão, é fundamental que, antes de tudo, cada um tenha uma consciência preservacionista, já que as matas nativas a cada ano estão sendo destruídas. Só para ter uma ideia, se as abelhas deixarem de existir o homem em quatro anos estará morto, pois as abelhas são os insetos responsáveis pela grande maioria das polinizações. Então, devemos preservar e cuidar desses insetos”, salientou o instrutor Joelson Rodrigues.

Durante a aula do último sábado, os alunos participaram de uma atividade prática de preparação de isca, com utilização de garrafa pet. As próximas aulas, nos dias 8 e 12 de outubro, serão dedicadas à prática de captura natural de enxame, das 9h às 12h. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Fechar Acessibilidade