SASDH participa do primeiro dia de Assessoramento sobre o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

Profissionais da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de São Pedro da Aldeia participaram, nesta quinta-feira (17), na sede da UNOPAR, do Assessoramento Regional sobre o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil,(PETI). O evento é uma realização do Governo do Estado e acontece nesta quinta (17) e sexta-feira (18) no município. O encontro promove a capacitação de técnicos e gestores da Proteção Social Especial e Básica. O objetivo é elencar estratégias de enfrentamento para erradicar as piores formas de trabalho infantil nos municípios da baixada litorânea, através da assessoria técnica do Estado.

Foto: Jefferson Viana

“É uma satisfação imensa receber os técnicos do Governo do Estado para falar de um assunto tão importante e, infelizmente, também presente na nossa região. Nossos municípios são turísticos e, por isso, durante o verão, vemos crianças trabalhando, principalmente nas praias. É importante, ao presenciarmos isso, ter um olhar técnico e humanizado com base em informação para saber como ajudar essas crianças. Este assessoramento vai nos ajudar a esclarecer dúvidas e a ter acesso as atualizações do Programa e, assim, sermos cada vez mais atuantes em nossos municípios”, falou a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ester Marques.

Foto: Jefferson Viana

No primeiro dia, o Assessoramento Regional contou com a participação dos técnicos dos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e Programa Bolsa Família. Também estiveram presentes representantes dos municípios de Cabo Frio, Arraial do Cabo, Iguaba Grande, Saquarema, Araruama e Rio das Ostras.

Foto: Jefferson Viana

O encontro aborda ações e desenvolve temáticas no enfrentamento da violação de direitos e trabalho infantil nas suas piores formas, como exploração sexual, aliciamento para o tráfico de drogas e a utilização de crianças e adolescentes em conflitos armados. O encontro está sendo conduzido pelas representantes da Superintendência da Proteção Social na Coordenação da Média Complexidade, Ana Paula Rosalino, Lucília Rios, Jacqueline Lopes e Luana Monteiro.

Foto: Jefferson Viana
Fechar Acessibilidade