Alunos do bairro Retiro se encantam com passeio ao Pão de Açúcar

A quarta-feira (07) foi especial para os alunos da Escola Municipalizada Retiro, de São Pedro da Aldeia. Os 36 estudantes, do 1º e 2º segmento, trocaram a sala de aula por um dos cartões-postais mais visitados do mundo, o Pão de Açúcar. A atividade fez parte do programa de educação ambiental “Educa Bondinho”.

Foto: Lílian Souza
Foto: Lílian Souza

 Acompanhada por professores da escola, a diretora da unidade escolar, Maria Helena Melo, participou da visita. 

“Nosso intuito foi fazer com que nossos estudantes conheçam novos horizontes, que a escola possa proporcionar conhecimentos que eles vão levar para a vida, para o dia a dia, e para despertar o interesse dos alunos pelos estudos. Também dar oportunidade da nossa escola expandir os muros, além de incentivar outras unidades escolares a terem essa iniciativa, que é agradável e dá a possibilidade para os menos favorecidos conheceram lugares incríveis”, disse.

Foto: Lílian Souza

 O Projeto de educação ambiental acontece desde 2015 e atende escolas públicas e privadas, de todos os segmentos escolares. Oferecido pelo Bondinho Pão de Açúcar, o programa escolar conta com a equipe de educadores do Instituto Moleque Mateiro, que estimulam a sensibilização ambiental dos alunos de forma transdisciplinar e divertida, explorando temas de ciências, biologia, história e geografia.

Foto: Lílian Souza

 “O objetivo é oportunizar os alunos de conhecerem um patrimônio turístico e histórico mundial, que entendemos que é caro, além de dar acesso para se apropriarem e entenderem que o Rio de Janeiro não precisa ser visto só pela televisão, que eles podem se sentir donos desse lugar. Também da divulgação de informações sobre a parte cultural, histórica e ecológica, para despertar esse olhar pela natureza, que faz o lugar ser tão mágico, resgatar esse encantamento pelo meio ambiente”, explicou a educadora do Programa, Natália Barcelos.

Foto: Lílian Souza

 Na oportunidade, cada aluno recebeu uma cartilha explicativa, com jogos, atividades e histórias sobre o que foi visto durante o passeio. Os estudantes tiveram a oportunidade de andarem pela primeira vez de bondinho, viram animais silvestres, como o mico, e aprenderam sobre vegetação, praias locais e outros pontos históricos do Rio de Janeiro.

Foto: Lílian Souza

 A aluna do 6º ano, Bruna Luíza Peçanha, de 11 anos, afirmou ter aprendido coisas novas, que nunca tinha visto antes. “A sensação de andar no bondinho pela primeira vez foi muito diferente, nunca tinha experimentado isso. Deu um frio na barriga, mas depois me acostumei. Eu achei a iniciativa da escola interessante, é uma oportunidade única que tivemos”, comentou.

Foto: Lílian Souza

 Durante a experiência, educadores do Instituto Moleque Mateiro estimularam os alunos sobre vários aspectos da fauna e flora da Mata Atlântica, sobre poluição da Baía de Guanabara e urbanização. A visita também abordou fatos históricos da fundação da cidade e a geografia das paisagens cariocas.

Foto: Lílian Souza
Foto: Lílian Souza

 Por ser seu último ano na escola, Ana Lívia Fernandes, de 13 anos, valorizou ainda mais a viagem. “O passeio foi bem legal, a escola sempre nos proporciona essas oportunidades. Esse programa foi muito interessante, nós descobrimos e aprendemos coisas que nem imaginávamos, foi bem educativo e legal para toda escola”, salientou a aluna do 9º ano.

Foto: Lílian Souza
Foto: Lílian Souza

Após a visita no Pão de Açúcar, os estudantes ainda conheceram o Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, mais conhecido como a Feira de São Cristóvão, que é um pavilhão que promove a cultura e comércio de produtos nordestinos.

Foto: Lílian Souza
Foto: Lílian Souza

Comentários estão desabilitados

Fechar Acessibilidade