Casa do Papai Noel sedia apresentações culturais apoiadas pela Lei Aldir Blanc

Performances de teatro e dança abrilhantaram a programação natalina na Casa da Cultura

A Casa do Papai Noel em São Pedro da Aldeia foi cenário para apresentações de dança e teatro fomentadas pela Lei Aldir Blanc. As performances foram executadas como contrapartida ao Edital “Prêmio São Pedro da Aldeia Cultura Viva”, aberto em 2020, que destinou recursos emergenciais da União para mais de 40 projetos culturais na cidade. Na Casa da Cultura, a exposição natalina fica aberta até o dia 14 de janeiro, das 14h às 22h, inclusive neste sábado (8) e domingo (9). A entrada é gratuita.

As apresentações de dança foram estreladas pelos jovens Fábio Rafael, Yzadora Souza e Talita Bento Sales, vencedores do 1º Festival de Performances Teen. A mostra competitiva foi um dos 47 projetos culturais contemplados pela Lei Aldir Blanc, via inciso 3, e foi promovida pela produtora cultural, bailarina e atriz Renata Brito. A iniciativa premiou com troféu as categorias Melhor Dança, Melhor Tik Tok e Melhor Música. Para chegar ao pódio, os participantes inscritos enviaram vídeos de suas performances e foram selecionados.

“O grande objetivo da mostra foi estimular a criatividade e buscar inserir crianças e adolescentes do município em diferentes linguagens artísticas, como a dança, a música e o teatro. A apresentação na Casa da Cultura foi a culminância desse festival, o momento em que eles puderam apresentar ao vivo as suas performances. Foi um sucesso e os visitantes gostaram muito”, conta Renata.

Outro projeto apresentado na Casa do Papai Noel, também viabilizado pela Lei Aldir Blanc, foi o da agente cultural e ilustradora aldeense Yasmin de Brito. A performance teatral “O Natal da Palharina” foi protagonizada pela atriz Renata Brito, que incorporou uma palhacinha atrapalhada com um grande sonho de ser uma bailarina clássica.

“É uma obra que explora o humor e a dança, onde a palhacinha tenta ‘roubar’ a atenção da plateia com suas desventuras e dancinhas peculiares. Futuramente, a ideia é transformar essa performance em um livro infantil e em um curta-metragem. Já estou elaborando os esboços dos próximos trabalhos”, conta Yasmin, que assina o roteiro.

Prêmio São Pedro da Aldeia Cultura Viva

No município, o Edital Prêmio São Pedro da Aldeia Cultura Viva contemplou projetos de pessoas físicas e jurídicas distribuídos nos segmentos de Artes Visuais, Carnaval, Dança, Teatro, Música, Literatura, Audiovisual, Cultura Afro, LGBTQIA+ e Produção Cultural – áreas relevantes ao movimento cultural do município, que tiveram suas atividades diretamente impactadas pelas medidas de distanciamento social adotadas durante a pandemia do coronavírus.

Como contrapartida, todos os beneficiários devem garantir a realização dos seus projetos, atividades ou programações propostas, de forma gratuita, bem como a prestação de contas sobre o uso dos recursos recebidos.

Para mais notícias e informações sobre os projetos fomentados pela Lei Aldir Blanc em São Pedro da Aldeia, basta acessar a página oficial da Secretaria Adjunta de Cultura no Facebook.

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui