Melhor em Casa de São Pedro da Aldeia desospitaliza criança de 8 meses

O pequeno Josué estava no Instituto Fernandes Figueira desde seu nascimento

O menino Josué nasceu em abril do ano passado, com a rara Síndrome de Charge. O parto foi no Instituto Fernandes Figueira, referência nacional em pediatria, onde permaneceu internado, sempre na companhia de pais, Jessica Santos Perrote da Silva e Edilson Santos da Silva. No instituto, Josué recebeu atendimento especializado durante os 8 primeiros meses de vida, com uma equipe médica à disposição.

No começo deste ano o Programa Melhor em Casa de São Pedro da Aldeia foi acionado para verificar a possível desospitalização do bebê em parceria com a equipe do Programa de Desospitalização do IFF. Em fevereiro, uma equipe aldeense esteve no Instituto e avaliou as condições clínicas da criança para uma possível desospitalização. Já no dia 11 de fevereiro, Josué foi levado para casa por uma equipe da Secretaria de Saúde.

O coordenador do Melhor em Casa, Junior Curcino, ressaltou a importância do programa.  “Não nos detemos ao tempo, espaço ou dificuldades, vemos o invisível e cremos no impossível. É uma gratidão podermos fazer ponte, como aconteceu com o Instituto Fernandes Figueira, e não levantamos muros.”

Para a equipe do Instituto, a articulação entre as equipes de saúde da unidade de internação e das cidades é de extrema importância para os processos de desospitalização. Esse movimento mostra a importância do trabalho em rede e o compromisso das equipes em proporcionar uma força tarefa para a tão sonhada ida para casa.

Agora a equipe do Programa Melhor em Casa passa a acompanhar a família do pequeno Josué, dando suporte às necessidades da criança no que diz respeito aos atendimentos médicos, fisioterapêuticos e cuidados da enfermagem, além de oferecer apoio psicológico e de uma assistência social. “Nosso sentimento é de muita gratidão a Deus por tudo, e muito felizes, pois hoje nossa família se encontra completa,” disse a mãe do menino, Jéssica.

Seu cadastro foi realizado

Mais informações serão enviadas para o e-mail que foi cadastrado 

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui