Reunião do Conselho Comunitário discute segurança pública em São Pedro da Aldeia

O Conselho Comunitário de Segurança Pública de São Pedro da Aldeia (CCS) realizou, na quarta-feira (14), mais uma reunião ordinária para discutir a situação da segurança pública no município. O encontro, que aconteceu na sede do Cine Estação, no Centro da cidade, reuniu autoridades municipais dos Poderes Executivo e Legislativo, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros, além de representantes de diversos bairros, ONGs e entidades associativas. Durante a reunião, diversas sugestões e reivindicações foram registradas em ata para serem formalizadas e encaminhadas aos órgãos competentes. Os encontros do CCS são abertos à população e acontecem todas as segundas quartas-feiras de cada mês, às 19h.

Foto: Jefferson Viana

O presidente do Conselho, Valério Nuno, destacou a realização de mais um encontro. “A reunião foi bastante produtiva, foram feitos muitos questionamentos e discutidas propostas de solução para os problemas de segurança. Acredito que a nossa finalidade, que é promover a aproximação da população às autoridades constituídas, está sendo cumprida”, comentou.

Foto: Jefferson Viana

A pauta do encontro incluiu a discussão de temas como transporte; áreas de estacionamento de motocicletas e bicicletas; iluminação pública, sinalização e manutenção viária, incluindo as rodovias estaduais de acesso ao município, sob jurisdição do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ); população em situação de rua e vulnerabilidade; animais soltos em vias; ocorrências policiais; limpeza urbana e uma proposta de implantação de um sistema de monitoramento com câmeras na cidade.

Foto: Jefferson Viana

Como parte da representação do Poder Público Municipal, compuseram a mesa de autoridades membros da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos e da Guarda Municipal.

Vinculado às diretrizes do Instituto de Segurança Pública (ISP-RJ), o Conselho Comunitário de Segurança Pública de São Pedro da Aldeia é um dos 65 conselhos existentes no Estado do Rio de Janeiro, sendo considerado um dos mais conceituados e atuantes desde a sua fundação, em 2003. 

Comentários estão desabilitados

Fechar Acessibilidade
%d blogueiros gostam disto: