São Pedro da Aldeia tem aumento de 54% em novas empresas

Dados apontam o desenvolvimento econômico do município no primeiro trimestre deste ano no comparativo com 2021

Os olhos do crescimento estão voltados para São Pedro da Aldeia. A cidade está atraindo investimentos do setor privado e gerando empregos. Neste primeiro trimestre de 2022, os números apontam um crescimento de 54% em relação ao mesmo período do ano de 2021. Ações de inovação e a localização estratégica do município continuam a atrair novos empreendimentos. 

Com uma gestão preocupada em fomentar o desenvolvimento econômico do município, o prefeito Fábio do Pastel reforça o incentivo da prefeitura em dar prioridade aos aldeenses para as novas vagas de emprego. “Fico muito feliz por estar recebendo essa quantidade de empresas no município, especialmente oferecendo essa prioridade para a mão de obra local, isso é de grande relevância. A prefeitura prestará todo apoio necessário para viabilizar as ações de implementação dos empreendimentos. Vamos em frente”, destacou.

Entre as empresas que vão abrir suas portas em São Pedro da Aldeia este ano estão: Dom Atacadista, Casa do Pedreiro, TY Care, Lake Resort Ponta D’Água, isso para citar as maiores. Só com essas, a expectativa é que serão gerados mais de 600 empregos diretos e indiretos.  

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Cláudio Viviani, acredita que mais empresas virão e que São Pedro da Aldeia está em um local estratégico na região. “A Secretaria de Desenvolvimento está trabalhando em conjunto com os empresários. Nós temos uma região estratégica. São Pedro da Aldeia está no coração da região. Estamos próximas de todas as cidades. Isso tudo vai geral para São Pedro da Aldeia renda e emprego. A gente está fomentando tudo isso e facilitando a vida do empresário, nós temos que ser o ponto facilitador”, disse.

O empresário responsável pelo Dom Atacadista, Wellington Costa, credita a vinda do empreendimento a vários fatores. “Escolhemos São Pedro da Aldeia por estratégia. A evolução da região, o crescimento populacional e a rentabilidade. A renda per capita também influenciou. Além da cidade estar no centro, pegando todos os municípios da Região dos Lagos”, disse.

Outra empresa que está chegando é a Casa do Pedreiro, que tem como diretor presidente Valdemir Mendes. Ele reforçou a alegria de estar nas terras aldeenses. “É uma enorme alegria pessoal poder compartilhar mais uma conquista e, agora, com o povo aldeense. Sou nascido no bairro Campo Redondo, em São Pedro da Aldeia. Saí muito novo em busca de oportunidade de emprego na cidade vizinha, Cabo Frio, que tão bem me acolheu e me fez crescer. Hoje, aos 63 anos, posso voltar e continuar sonhando com a continuação de toda essa história. É uma alegria poder fazer parte de São Pedro da Aldeia, de todo esse desenvolvimento e investir não só no crescimento empresarial, como em qualidade e oportunidade, por isso decidimos que a terceira loja da Casa do Pedreiro seria aqui”, destacou.

O responsável comercial da TY Care, David Gomes, agradeceu a prefeitura e o prefeito Fábio. “A escolha foi feita pela localização geográfica e conveniência, por um sócio morar em Cabo Frio, mas principalmente pela parceria da prefeitura. Temos alternativas em outros polos, porém, fomos muito bem recebidos pela Secretaria de Desenvolvimento e pelo gabinete do prefeito, que mostraram preocupação com a geração de emprego para a população”, afirmou. 

O Lake Resort Ponta D’Água será mais um empreendimento na área hoteleira. Responsável comercial do resort, Felipe Malta diz que as belezas de São Pedro atraíram a empresa internacional. “Na procura por um local adequado, a empresa holandesa Nedport, que havia se encantado com as belezas e carisma dos brasileiros em 2010, foi atraída por uma bela paisagem em São Pedro da Aldeia. A localização era atrativa por estar localizada às margens da Lagoa de Araruama. Essa lagoa é o segundo melhor local do Brasil para a prática de kitesurf. Foi então que a Nedport percebeu o potencial do lugar”, mencionou. 

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia tem um sistema que visa desburocratizar os procedimentos para empresas, principalmente de baixo risco, para fomentar o empreendedorismo regional. A abertura de empresas de menor complexidade é liberada de forma automatizada, o empreendedor consegue fazer tudo online no site da Junta Comercial, pelo site: https://www.jucerja.rj.gov.br/

Seu cadastro foi realizado

Mais informações serão enviadas para o e-mail que foi cadastrado 

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui