Aldeenses aprovam ampliação do horário de atendimento da Policlínica Municipal

Categorias

Aldeenses aprovam ampliação do horário de atendimento da Policlínica Municipal

Durante a semana o atendimento foi estendido até às 19 horas e, aos sábados, até às 13h

Ao fim da quinta-feira, o sol já se escondia e passava das 18h quando a moradora Marthinha José dos Santos chegou à Policlínica Municipal de São Pedro da Aldeia, no Morro do Milagre. Ela foi levar a pequena Sophia a uma consulta com o otorrinolaringologista. A dona de casa não escondia a surpresa e satisfação, afinal, era o momento de cuidar da sua filha sem abrir mão do seu cotidiano corrido, muitas vezes priorizado em detrimento da saúde física e mental.

Foto: Ryu Rodrigues

Saindo da Rua do Fogo para buscar o atendimento com a especialista, a aldeense fez questão de elogiar o novo horário oferecido pela Prefeitura de São Pedro da Aldeia. Para ela, o expediente estendido traz mais facilidade ao morador. “Eu gostei muito desse novo horário, pois não precisamos mais sair no meio do dia do serviço e deixar de trabalhar. Com a ampliação do horário de atendimento deu tempo de fazer tudo e ainda vir para a consulta. Fiquei até surpresa quando me ligaram e disseram que eu estava com a consulta marcada no início da noite”, comemorou.

Foto: Ryu Rodrigues

Para facilitar o atendimento aos moradores que não podem se consultar durante o horário normal de expediente, a gestão da Policlínica estendeu o atendimento durante a semana e passou a atender também aos sábados. De segunda a sexta-feira, a unidade atende das 7h às 19h e, aos sábados, até às 13h.

Especialidades

Ao todo, a unidade ambulatorial oferece atendimento em 16 especialidades, com dias e horários específicos para as consultas. Os pacientes agendados estão sendo avisados, por telefone, pela Central Municipal de Regulação. Referência para consultas especializadas, cirúrgicas de pequeno porte e exames, a Policlínica oferece aos moradores especialidades como cirurgia geral, dermatologia, cardiologia, pequenas cirurgias, ortopedia, proctologia, nefrologia, neurologia, pneumologia, angiologia, oftalmologia, reumatologia, endocrinologia, otorrinolaringologia, gastroenterologia e ultrassonografia.

Foto: Ryu Rodrigues

Paciente da gastroenterologia, José Carlos, morador do bairro São João, relembrou outros momentos nos quais pôde contar com os serviços oferecidos na unidade ambulatorial, mesmo durante o fim de semana.

“Já fui atendido aqui na Policlínica em um sábado.  Esses horários diferentes do que estamos acostumados ficam até melhor, porque a gente não precisa se ausentar no nosso horário de trabalho”, disse.

Para a secretária de saúde, Francislene Casemiro, essa preocupação com o morador e o novo formato de atendimento, têm refletido positivamente no sistema de regulação.

“Nossa proposta de expansão do horário teve como objetivo ampliar o acesso ao usuário, promovendo à promoção e prevenção da saúde. Não podemos deixar de registrar nossa preocupação com trabalhadores, que com o horário diferenciado de atendimento, têm a oportunidade de serem consultados sem se ausentar de seus trabalhos. Hoje, com dois meses de atendimento com horário estendido, já reduzimos cerca de 70% das filas de espera, sendo o carro-chefe a ortopedia, considerada uma das maiores filas no âmbito municipal”, destacou a secretária.

Foto: Ryu Rodrigues

Combate ao coronavírus

Além da nova oferta de serviços, a Policlínica reforçou os cuidados preventivos de combate ao coronavírus. Distanciamento seguro, higienização e uso correto de equipamentos de proteção individual são palavras de ordem na Unidade. “Reforçamos nossos cuidados com a higiene dos locais e orientamos os pacientes para que não haja aglomeração nos espaços comuns. Como estamos trabalhando com horários definidos e estendidos, reforçamos que os pacientes devem respeitar os prazos, sem necessidade de chegar com grande antecedência. Também estamos realizando consultas com a telemedicina, onde o paciente, que aceita esse método, é consultado dentro de sua própria residência, com auxílio da tecnologia”, disse Ana Paula Quintanilha, coordenadora da Policlínica.

Foto: Ana Paula Quintanilha

Funcionamento da Policlínica Municipal

Para que o paciente seja atendido na Policlínica Municipal, de acordo com a necessidade clínica, o mesmo deve procurar sua unidade de saúde de referência, para que possa ser avaliado e encaminhado ao especialista.

Vale lembrar que a Policlínica não trabalha com demanda espontânea, sendo necessária prévia marcação de acordo com agenda de cada profissional. A Policlínica Municipal funciona na rua Prefeito Waldir da Silva Lobo, aos fundos do Pronto-socorro municipal, no bairro Morro do Milagre.

Foto: Ryu Rodrigues
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Fechar Acessibilidade