O Conselho Comunitário de Segurança Pública (CCS) de São Pedro da Aldeia realizou, nesta quarta-feira (13), mais uma reunião ordinária para discutir a situação da segurança pública no município. Durante o encontro, foram abordadas as estatísticas do Instituto de Segurança Pública (ISP-RJ), levantadas a partir dos Registros de Ocorrência lavrados na Delegacia de Polícia, a prestação de contas do Conselho e a discussão da legislação municipal que trata sobre a circulação de animais de grande porte em via pública.

Foto: Divulgação

Compuseram a mesa de autoridades o vice-presidente do Conselho, Francisco Galdino da Silva, representando o presidente Valério Nuno; o delegado da 125ª DP, Rodrigo Bichara; o comandante da 2ª Companhia do 25º Batalhão de Polícia Militar, capitão PM Augusto Cremonezis, e a agente da Guarda Municipal, Sebastiana Almeida.

Foto: Divulgação

“O nosso Conselho é consultivo, então, nós provocamos as discussões e trazemos sugestões para a análise e posterior aprovação das autoridades competentes, levando também em consideração a participação da opinião do público”, destacou Francisco Galdino, responsável por presidir a reunião.

Foto: Divulgação

Durante o encontro, também foi discutida a participação do Conselho aldeense no VII Fórum dos Conselhos Comunitários de Segurança, promovido pelo Instituto de Segurança Pública (ISP-RJ) no dia 10 de outubro, na sede da Firjan/RJ. O evento contou com a representação dos membros Valério Nuno (presidente), Francisco Galdino (vice-presidente), David Figueiredo (1º secretário) e Zózimo Lisboa (Diretor de Comunicação), ao lado de representantes de mais de 40 municípios em todo o Estado.

Foto: Divulgação

“A nossa participação no Fórum foi de extrema importância; estavam presentes a cúpula da Polícia Militar e Civil e também o vice-governador do Estado do Rio. Esse evento apresentou temas fundamentais relacionados à segurança pública e trouxe discussões para a alteração da Resolução que rege todos os conselhos”, complementou Galdino. 

Os encontros do Conselho Comunitário de Segurança Pública são abertos a população e acontecem todas as segundas quartas-feiras de cada mês, no auditório do Cine Estação, ao lado da Casa da Cultura, no Centro da cidade. Entre as principais missões do órgão, estão identificar e analisar os problemas existentes em cada localidade por meio da ótica dos moradores, propor soluções e promover a integração entre as instituições policiais e a comunidade, auxiliando, assim, no estabelecimento de ações prioritárias.

Fechar Acessibilidade