Coveiros aldeenses utilizam EPI’s em sepultamentos de coronavírus

Para garantir a segurança dos profissionais que trabalham em sepultamentos no Cemitério Municipal de São Pedro da Aldeia, a Prefeitura distribuiu Equipamentos de Proteção Individual (EPI) aos quatro coveiros do único cemitério da cidade. Os servidores receberam macacões, botas, luvas de borracha, máscaras e protetores faciais, compostos por um suporte de plástico e visores, além de um kit de higiene pessoal, com sabonete e álcool em gel.

Aos 46 anos de idade, Fábio Arruda é um dos servidores que receberam os equipamentos de proteção individual. Ele conta que, assim, se sente mais seguro no dia a dia do trabalho. “Como os equipamentos, estamos mais prevenidos, sendo mais difícil eventual contaminação. A preocupação com o coronavírus existe em todos os ambientes, temos que lembrar de cuidar também de outros aspectos, como a imunidade e alimentação”, reforça Fábio, que trabalha no cemitério aldeense há 10 anos.

Os coveiros utilizam os equipamentos de proteção durante os sepultamentos com suspeita e/ou confirmação de falecimento por coronavírus.
Foto: Renato Fulgoni

Os coveiros utilizam os equipamentos de proteção durante os sepultamentos com suspeita e/ou confirmação de falecimento por coronavírus. Ao fim de cada enterro, o uniforme utilizado é pulverizado com cloro para limpeza e desinfecção.

ISOLAMENTO

A rotina de sepultamento das pessoas que falecem com coronavírus é solitária. De acordo com a coordenadora do Cemitério Municipal, Denise Vieira, os familiares não estão autorizados a acompanhar o sepultamento por medidas de segurança. “Nós isolamos a entrada do cemitério, permitindo a permanência somente dos coveiros”, explica.

De acordo com a coordenadora do Cemitério Municipal, Denise Vieira, os familiares não estão autorizados a acompanhar o sepultamento por medidas de segurança.
Foto: Renato Fulgoni

Os três serventes, responsáveis pela limpeza e organização do espaço, que realizam serviços como roçagem, varrição e pintura, também receberam equipamentos de proteção. Eles trabalham com protetores faciais, luvas e máscaras de proteção facial caseiras. Esses profissionais também receberam um kit de higiene pessoal, com sabonete e álcool em gel.

Os dois funcionários que trabalham na administração do cemitério e os dois servidores responsáveis pela limpeza das capelas receberam o mesmo kit de higiene pessoal e também fazem uso de máscaras caseiras e luvas.  

Fechar Acessibilidade