A Internet tem sido uma aliada para os orientadores sociais dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de São Pedro da Aldeia. Durante o período de isolamento social devido ao coronavírus, a tecnologia e o uso de aplicativos, como o WhatsApp, têm permitido a manutenção do vínculo e a interação com os usuários.

Foto: Reprodução

No CRAS do bairro Alecrim, as crianças que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos recebem, semanalmente, vídeos motivacionais. O CRAS Alecrim é um dos equipamentos pertencentes à Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos.

Segundo a secretária executiva de Assistência Social e Direitos Humanos, Olívia Sá, a iniciativa é muito importante para os usuários. “Solicitamos aos CRAS para que fizessem esse trabalho, pois é uma maneira de manter o vínculo entre a equipe profissional e o usuário. Muitos desses profissionais são referência na vida dessas crianças. Os orientadores estão fazendo um belo trabalho, que será mantido até o final da quarentena”, assegurou Olívia.

Foto: Reprodução

Os vídeos são compartilhados em grupos do WhatsApp, pelos números dos celulares dos responsáveis. Os temas são variados, sempre com objetivo de promover o fortalecimento dos vínculos familiares.

De acordo com a coordenadora do CRAS, Andréa Cerbino, um dos objetivos da ação é a manutenção do trabalho desenvolvido. “As orientadoras estão gravando vídeos de acordo com o planejamento semanal da brinquedoteca e do grupo Criar e Recriar. Com isso, conseguimos dar continuidade às ações desenvolvidas antes da quarentena. Os materiais realizados foram direcionados às crianças de três a seis anos e de sete a doze anos”, explicou Andréa.

Confecção de peteca, contação de histórias e realização de brincadeiras são alguns dos temas utilizados pelos orientadores para manter a criançada ocupada e dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo CRAS durante o ano. 

Fechar Acessibilidade