Educação de São Pedro da Aldeia informatiza rede e treina diretores

Categorias

Educação de São Pedro da Aldeia informatiza rede e treina diretores

Um novo passo foi dado para a otimização e informatização de trabalho na Secretaria de Educação de São Pedro da Aldeia. Nesta semana, os diretores das 42 unidades escolares da rede municipal de ensino receberam treinamento inicial sobre o novo sistema de gestão educacional, que irá garantir transparência de ações e aperfeiçoamento de serviço.

No primeiro treinamento, o desenvolvedor de sistemas, Wamberto de Farias, fez uma breve apresentação da plataforma aos diretores e explicou o módulo de gestão acadêmica. Este módulo reunirá todas as informações pertinentes à escola, desde a matrícula do aluno até a grade curricular. 

O novo sistema beneficiará também os servidores. Com a nova ferramenta, todo o histórico de trabalho estará registrado em uma espécie de arquivo virtual. Segundo a diretora da escola Dulce Jotta, Juçara Leal, a novidade vai mudar os horizontes de quem acompanha a Educação há anos. Ela contou que, quando entrou na Rede, as colegas que estavam prestes a se aposentar faziam uma maratona atrás das declarações. Agora, 28 anos depois, chegou a vez dela, que também está passando pela mesma angústia.

 “Estou fazendo esse percurso de unidade em unidade, onde encontro várias situações nas quais o arquivo já está desgastado pelo tempo ou já se perdeu por chuva ou mofo. Para o servidor, esse sistema será um ganho que não tem preço, porque assisti a mesma cena por muitos anos. Estou feliz com esse avanço”, revelou.


Conexão com a Administração

Além de manter todos os registros envolvidos com a Educação, o sistema trabalhará em conjunto com a secretaria de Administração, que fornecerá informações sobre a folha de pagamento de funcionários efetivos e contratados.

A próxima estratégia adotada será a virtualização do treinamento, para que o conhecimento sobre a informatização do sistema alcance todos os servidores da Educação, por meio de cursos on-line e vídeos instrutivos, que auxiliarão o profissional na alimentação e navegação pela plataforma.

Vale lembrar que nesse momento inicial, o corpo escolar não terá demanda de digitação das informações, pois a plataforma encontra-se 100% integrada ao Educacenso, que é o sistema de levantamento de dados do censo escolar pertencente ao INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira). Com isso, a importação de dados de todos os alunos, escolas e dados de matrícula do ano de 2019 já foi realizada. A partir de agora, caberá a cada servidor ir alimentando seus respectivos módulos para o ano letivo de 2020.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Fechar Acessibilidade