Enquanto a pandemia do coronavírus, o isolamento social e o impacto que tudo isso provoca na economia é para alguns cidadãos sinal de tristeza e até desespero, infelizmente para outros, que produzem e espalham notícias falsas, não passa de uma forma de brincadeira e irresponsabilidade.

Em São Pedro da Aldeia, nos últimos dias, a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SADSH) foi vítima de fake news. Por meio de WhatsApp e grupos de Facebook, dentre outros canais de comunicação, foram veiculadas notícias não verdadeiras sobre a distribuição de cestas básicas no município.

Para evitar transtornos e deslocamentos desnecessários, a Prefeitura informa que todas as informações referentes ao tema são divulgadas pelos canais oficiais do Poder Público Municipal.

De acordo com a secretária de Assistência Social e Direito Humanos, Olivia Sá, é muito importante que a população não acredite em tudo que recebe pelo celular. “Estamos passando por um momento difícil e notícias falsas dificultam ainda mais, pois deixam a população desorientada e afeta a divulgação da informação verdadeira. É muito importante que a população tenha cuidado com o repasse de notícias. É necessário que verifiquem sempre se são realmente verdadeiras”, orientou Olívia.

Para verificar se as informações são falsas ou não basta entrar em contato com a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos por meio do telefone (22) 26274550 ou pelo e-mail sasdhsaopedrodaaldeia@gmail.com. Essa verificação também pode ser feita pelos os canais oficiais da Prefeitura, pelo portal de notícias, no perfil no Facebook ou, ainda, pelo canal de comunicação da Prefeitura via WhatsApp, o “Alô Cidadão”, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h, pelo número (22) 99610-5040.

Fechar Acessibilidade