Atenção Domiciliar promove roda de conversa com cuidadores de pacientes

Encontro buscou o acolhimento dos participantes, oferecendo um ambiente seguro para troca de experiências

Os aldeenses responsáveis por pacientes acamados e/ou domiciliados participaram de uma roda de conversa promovida pela Secretaria de Saúde de São Pedro da Aldeia, por meio do Programa de Atendimento Domiciliar aos Cronificados (PADC) e do Melhor em Casa. O encontro teve como objetivo estreitar laços entre profissionais e familiares dos usuários, despertando reflexões sobre o papel de quem se responsabiliza por alguém adoentado.

O cuidador é a pessoa da família ou da comunidade que se dedica à outra pessoa, de qualquer idade, que esteja necessitando de cuidados devido a limitações físicas ou mentais.

Após a dinâmica de apresentação, a assistente social do PADC, Vitória, falou sobre a importância de compartilhar experiências. Na oportunidade, a profissional lembrou que o cuidador também precisa ser olhado e destacou que o bem-estar físico e mental de quem se dedica diariamente ao outro deve ser priorizado.

Durante a iniciativa, os participantes encontraram um espaço para desabafar, contando um pouco de suas histórias e seus conflitos familiares. Houve um momento de reflexão, em que cada um pôde olhar para dentro de si e repensar suas responsabilidades.

A roda de conversa abordou, ainda, o “Agosto Lilás”, mês dedicado à conscientização pelo fim da violência contra a mulher. A assistente social do Melhor em Casa, Sandra Campos, realizou uma breve apresentação sobre os diversos tipos de agressões que as mulheres podem sofrer, como a violência física, psicológica, sexual, patrimonial e moral, todas previstas na Lei Maria da Penha.

Seu cadastro foi realizado

Mais informações serão enviadas para o e-mail que foi cadastrado 

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui