Meio Ambiente conscientiza aldeenses sobre plantio de árvores em calçadas

Entenda quais espécies são adequadas e quais devem ser evitadas
Dentre os danos provocados pela falta de planejamento na arborização urbana, estão as árvores com galhos sobre a fiação dos serviços de comunicação e elétrico | Fotos: Divulgação/SEMMAP

Para evitar acidentes e manter a mobilidade urbana, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de São Pedro da Aldeia orienta sobre como escolher as melhores espécies de árvores para plantio em áreas de passeio. A gestão do prefeito Fábio do Pastel reforça a preocupação com a arborização do município que promove o bem-estar com mais qualidade de vida aos cidadãos.

Dentre os danos provocados pela falta de planejamento na arborização urbana, estão as árvores com galhos sobre a fiação dos serviços de comunicação e elétrico. Também são identificadas árvores doentes e com risco de queda, além de calçadas com espaços diminutos, salteadas e quebradas.

Técnicas de plantio positivo

Para uma arborização assertiva é preciso optar por plantas de pequeno porte em calçadas a partir de 1,5 m e com gola no tamanho mínimo de 2 m². Evite plantar árvores abaixo da fiação elétrica e plantar árvores com espinhos. Não se deve plantar árvores ou arbustos com propriedades tóxicas e é necessário seguir as técnicas de plantio corretamente.

É importante deixar o espaço para o tronco sem sufocá-lo. As raízes também precisam de espaço para garantir o seu desenvolvimento radicular, irrigação, captação de nutrientes e aeração do solo. Não se deve realizar podas em excesso e radicais, pois as árvores ficam vulneráveis, podem adquirir pragas e doenças. Inclusive, medidas extremas como as citadas, posteriormente podem provocar a queda da árvore.

O objetivo da gestão municipal é promover os serviços ecossistêmicos, com permanecer saudáveis e não extravasarem os gastos públicos (com a manutenção e obras de restauração) as plantas necessitam de tratamento consciente e respeitoso.

Confira as distâncias mínimas para plantio, de acordo com Portal Ambiente Brasil:

• Recuo mínimo da muda em relação ao meio-fio 0,50 m 

• Distâncias mínimas entre árvore e entradas de garagem 1,00 m 

• Vão livre entre a copa das árvores e a rede de baixa tensão 1,00 m 

• Vão livre entre a copa das árvores e a rede de alta tensão 2,00 m 

• Altura máxima das árvores de pequeno porte 4,00 m 

• Altura máxima das árvores de médio porte 6,00 m 

• Distância mínima entre árvores de pequeno porte e placas de sinalização 5,00 m 

• Distância mínima de árvores de médio porte e placas de sinalização 7,00 m 

• Distância mínima das esquinas 7,00 m.

Árvores inadequadas para arborização em calçadas:

  • AmendoeiraTerminalia Catappa L.;
  •  FicusFicus benjamina;
  •    Mangueira Mangifera indica L;
  •    FlamboyantDelonix regia;
  •    GliricidiaGliricidia sepium
  •    Pau FormigaTriplaris Americana L;
  •  CasuarinaCasuarina equisetifolia;
  •    AbacateiroPersea americana;
  •    Eucalipto – Eucalyptus
  •    Paineira Ceiba speciosa;
  •    Guapuruvu Schizolobium parahyba;

Árvores adequadas para calçadas:

O Ipê Amarelo é uma das árvores recomendadas para plantio em áreas de passeio
  •    Triális (arbusto)Galphimia brasilienses;
  •    Manacá de Cheiro (arbusto)Brunfelsia uniflora;
  •  Pitanga (pequeno porte)Eugenia uniflora;
  •    Acerola (pequeno porte)Malpighia emarginata:
  •    Araça (pequeno porte)Psidium cattleianum;
  •    Alfazema do Brasil/Erva Santa (pequeno porte) Aloysia Gratissima;
  •    Pau Fava (pequeno porte)Senna macranthera;
  •   Resedá (exótica-pequeno porte)Lagerstroemia indica;
  •  Ipê amarelo (médio porte)Handroanthus albus;
  •  Ipê Branco (médio porte) – Tabebuia róseo-alba;
  •    Quaresmeira (médio porte)Tibouchina granulosa;
  •    Aroeira (médio porte)Schinus terebinthifolia;
  •   Aroeira Salsa (médio porte)Schinus molle;
  •    Pata de vaca (exótica-médio porte)Bauhinia forticata;
  •    Algodão da praia (médio porte)Hibiscus tiliaceus L;
  •    Oiti (grande porte)Licania tomentosa;
  •    Sibipiruna (grande porte) Caesalpinia pluviosa.

Seu cadastro foi realizado

Mais informações serão enviadas para o e-mail que foi cadastrado 

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui