Prefeitura de São Pedro da Aldeia reúne Grupo de Trabalho da Aroeira para balanço anual

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, reuniu os órgãos que compõem o Grupo de Trabalho Aroeira para a realização de um balanço de ações executadas em 2018. Após a análise das atividades praticadas durante todo o ano, foram estipuladas metas e atribuições de cada setor para o ano de 2019. O encontro contou com representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), do Programa Rio Rural, da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER-RJ) e da Plataforma Rural de Oportunidades Sustentáveis e Agroecológicas (PROSA).

O secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, analisou os meses de trabalho, os avanços e a perspectiva para o próximo ano.

“O balanço do projeto foi feito com foco em tudo que nós fizemos e avançamos nos meses de 2017 e 2018. Conseguimos concluir o plano de manejo do Assentamento Ademar Moreira, implantamos a sede da associação, está sendo realizada a estufa de secagem da unidade de beneficiamento, elaboramos o plano de mídia e a apresentação do plano de negócios para o próximo ano. Vimos também que várias atividades de sustentabilidade foram realizadas, como o curso para coletor, a preparação para o negócio rural e a capacitação de agroecologia, que será concluída com foco no trabalho de selagem de orgânicos. Os avanços foram muitos, mas no balanço algumas instituições alcançaram seus objetivos e outras estão assumindo atribuições”, destacou o secretário.

Entre as atribuições definidas para 2019 estão as atividades para obter as certificações de orgânico, agricultura familiar e identificação geográfica, a conclusão da obra do Cento de Beneficiamento da Aroeira, com apoio da iniciativa privada, dentre outras ações.

Durante o encontro, foi apresentado aos órgãos envolvidos o plano de negócios da Aroeira, executado pela Plataforma Rural de Oportunidades Sustentáveis e Agroecológicas (PROSA). A empresa ingressou no GT Aroeira por meio de uma consultoria prestada ao “Rio Rural”. No Rio de Janeiro, a empresa escolheu quatro projetos para dar continuidade, focando em agroecologia, desenvolvimento social e base de sustentabilidade. Com um sistema próprio, a Prosa identificou demandas que precisam ser resolvidas e apresentou soluções baseadas em captação de recursos.

Deixe um comentário

Fechar Acessibilidade