São Pedro da Aldeia realiza evento em combate à violência contra a mulher

Encontro teve a presença do Ônibus Lilás, em parceria com o Governo do Estado

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos promoveu um evento de combate à violência contra as mulheres na última sexta (5), na praça Agenor Santos em São Pedro da Aldeia. O encontro fomenta o Agosto Lilás, mês do enfrentamento ao feminicídio e à violência doméstica. Na ocasião, diversos serviços foram oferecidos à população. A secretária Diana Alves deu as boas vindas aos participantes, abrindo a programação.

Participaram do evento o Ônibus Lilás do Governo do Estado, com o objetivo de realizar atendimentos às mulheres vítimas de violência, a equipe do CREAS, que efetuou a entrega de materiais informativos sobre a campanha Sinal Vermelho. O atendimento do Programa Auxílio Brasil também esteve presente atendendo as mulheres sobre o primeiro cadastro. A Associação Amigas da Mama colaborou com a divulgação dos seus serviços, no acolhimento de mulheres que estão passando pelo tratamento.

O encontro contou, ainda, com a presença de outros coletivos, como o Bordado Solidário, Escoteiros de São Pedro da Aldeia, Poda Zen, Instituto Cris Águia Mãos de Ouro, além da Secretaria de Saúde, que realizou aferição de pressão, testagem de glicose e hanseníase, e também a Secretaria de Agricultura, que disponibilizou mudas de árvores frutíferas e plantas ornamentais.

Durante a parte da manhã, houve apresentações musicais do secretário de cultura Thiago Marques no teclado, Paula Azevedo cantando, Luciana Silva cantando, Edson Gomes no sax e João Rafael na bateria, aconteceu também a apresentação de Tai Chi Chuan, com a Associação de Artes Marciais Tao Tien Ti.

 À tarde, o Ballet da Escola de Artes performou com os alunos do professor Ramirez acerca do tema violência contra a mulher e, em seguida, uma roda de conversa deu voz às mulheres. As participantes externaram seus pensamentos sobre o tema: “O Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres”, conduzidas pela Ludmila Roque, coordenadora do Centro Especializado de Atendimento à Mulher- CEAM, com a participação da Major Bianca Machado, coaching de empoderamento feminino, e mediação de Luciana de Oliveira, diretora do Depto. de Direitos Humanos da SASDH. 

Houve também a participação do Conselho tutelar, da coordenadora do NAVI, da Associação Comercial, através da presidente da Liderança Feminina, que leu um poema e a presença do Monsenhor Guedes.

Também esteve presente a Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar, que completa 3 anos, com mais de 130 mil atendimentos e 440 prisões. Vale ressaltar que, no último domingo, dia 07 de agosto, a Lei Maria da Penha completou 16 anos.

Seu cadastro foi realizado

Mais informações serão enviadas para o e-mail que foi cadastrado 

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui