O município de São Pedro da Aldeia sediou, na tarde desta terça-feira (14), a reunião regional do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec Brasil Sem Miséria) da Baixada Litorânea. Promovido pela Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, o encontro aconteceu na Câmara Municipal com a presença do Secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, do Subsecretário da pasta, Marcos Salaibe, representantes dos Serviços Nacionais de Aprendizagem (Sistema S) e instituições de ensino da região, além de gestores municipais das áreas de Assistência Social, do Trabalho e coordenações do Pronatec locais e das cidades de Armação dos Búzios, Cabo Frio, Rio das Ostras, Saquarema e Iguaba Grande.

Na ocasião, o Secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, agradeceu a presença dos representantes e ressaltou a importância do evento. “Em nome do Prefeito do Cláudio Chumbinho, é um prazer imenso estar acolhendo todos vocês em São Pedro da Aldeia para essa oportunidade de discussão regional do Pronatec. Um momento importante para todos fazermos uma análise sobre a execução do Programa nos municípios”, disse.

Membro da coordenação da Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos (SEASDH), Angélica Hullen destacou os objetivos do encontro. “Agradecemos ao município pela acolhida e por sediar a reunião. São Pedro da Aldeia é o sétimo município a receber a reunião regional. Essas reuniões foram pactuadas previamente na CIB – Comissão Intergestores Bipartite da Assistência Social e ainda teremos três novos encontros em outras cidades do Estado. A intenção é que possamos reunir dados e subsídios que serão apresentados na reunião nacional, com a perspectiva de buscar soluções e melhorias”, disse.

Durante o encontro, foram abordados o processo de pactuação de vagas, acesso ao sistema online, acompanhamento dos resultados do programa neste ano, dúvidas e desafios regionais, entre outras informações e orientações referentes à execução do programa nos municípios.

Representando a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de São Pedro da Aldeia, a assistente social Luciana Oliveira destacou a importância da qualificação profissional da população maior de 16 anos, beneficiária de programas sociais (com renda de zero a três salários mínimos). “Através do Pronatec, diversos cursos são ofertados com o objetivo de qualificar o público do CADÚnico, isto é, as pessoas beneficiárias dos programas federais de transferência de renda, como o Programa Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada. Essa é uma das prioridades do Pronatec”, ressaltou.

Atualmente, São Pedro da Aldeia possui aproximadamente 12 cursos do Pronatec em execução, com a possibilidade de abertura de novos cursos até o final do ano. Segundo relatório divulgado pela Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, mais de 800 vagas já foram ofertadas para jovens e adultos até agosto deste ano, em parceria com o Sistema S. As aulas são ministradas no Centro de Atendimento ao Trabalhador (CAT), no Horto-Escola Artesanal, na E. M. Profª. Maria Celeste de Campos e no Centro Vocacional Tecnológico.

Segundo o cronograma da Subsecretaria de Integração de Programas Sociais/Superintendência de Gestão de Oportunidades do Estado, os próximos municípios a receberem a reunião regional do Pronatec serão Três Rios, nesta terça-feira (21), Mangaratiba, no dia 29 de outubro e, encerrando o ciclo de encontros, no dia 04 de novembro será a vez da cidade de Nilópolis sediar a reunião. 

]]>

Deixe um comentário

Fechar Acessibilidade