Obra da E. M. Jamila Mota da Silva chega à fase final

Com previsão de término para setembro de 2020, a obra da Escola Municipal Jamila Mota da Silva está na fase final para a entrega. A escola, que atende as crianças com idades entre 3 a 5 anos, antes funcionava em uma casa alugada juntamente a um comércio. Agora, terá um espaço próprio, com 854 metros quadrados.

A nova estrutura, que fica localizada no bairro São João, possui 29 ambientes, entre eles, 10 salas de aula, brinquedoteca, cineminha, lactário, banheiros entre quatro salas infantis, vestiários e um espaço aberto emborrachado, que garantirá conforto e segurança nas atividades externas.

Obra da escola tem prazo de término para setembro deste ano
Foto: Jefferson Viana

Segundo a diretora da unidade, Fabiane da Conceição, após o término da pandemia, além dos alunos, toda a comunidade será beneficiada. “As crianças terão salas arejadas e espaço amplo para brincar. Essa transformação beneficia alunos, os funcionários e toda a comunidade, que ganham um espaço físico melhor e de qualidade”, comemorou a diretora.

Mais crianças atendidas

Anteriormente, a unidade atendia 150 crianças e agora terá capacidade de receber o total de 420 crianças matriculadas na creche IV, Pré I e Pré II, todos de forma parcial. Além de beneficiar o bairro no qual a escola foi construída, a unidade também irá receber crianças de bairros vizinhos, como Campo Redondo, Parque Estoril, Colinas e Jardim Primavera.

Escola poderá atender 270 alunos a mais
Foto: Jefferson Viana

Para o secretário de Educação, Alessandro Teixeira Knauft, o aumento de vagas traz mais segurança aos pais, que antes precisavam enfrentar longas filas para garantir vaga aos filhos.

“A história mostra que no bairro São João as pessoas precisavam dormir na fila para conseguir realizar a pré-matrícula. Nós conseguimos acabar com isso entregando uma escola confortável e com o espaço todo adaptado para os nossos pequenos. A escola Jamila é um retrato do compromisso da gestão pública atual, que está sendo capitaneada pelo prefeito Cláudio Chumbinho”, ressaltou o secretário de Educação.

Fechar Acessibilidade