Usuários do CAPS de São Pedro da Aldeia participam de Festa Junina

Categorias

Usuários do CAPS de São Pedro da Aldeia participam de Festa Junina

Os usuários do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de São Pedro da Aldeia tiveram uma tarde animada. Fechando o mês de julho, o Programa Municipal de Saúde Mental promoveu uma festa junina na sede da unidade, reunindo a equipe técnica, os usuários e familiares. A secretária de Saúde, Francislene Casemiro, esteve presente no CAPS. Primeiro dispositivo da Baixada Litorânea, o CAPS aldeense visa acolher pacientes com transtornos mentais graves e persistentes de forma intensiva ou em situações de crise psiquiátrica.

Foto: Jefferson Viana

“Para São Pedro da Aldeia é um ganho quando existe essa integração entre o usuário e o profissional. O processo de humanização tem sido fortalecido dentro do Centro de Atenção Psicossocial, é importante que não apareça só o usuário, mas que o familiar também participe. O paciente que possui um transtorno e precisa do nosso tratamento e acompanhamento não pode ser tratado sozinho, mas também a família desse usuário. Parabenizo o coordenador João Luiz pela iniciativa, o trabalho dele tem sido de grande excelência para o município e para a gestão”, disse a secretária de Saúde, Francislene Casemiro.

A programação esbanjou alegria, os usuários aproveitaram uma mesa de comidas típicas e participaram de brincadeiras e músicas com todo o grupo. O coordenador do CAPS, João Luiz, falou sobre a importância dessas atividades.

“Um evento como esse, além de ser um momento de descontração e lazer, serve também como estratégia para a reinserção psicossocial e produção de vínculo, a partir das experiências vivenciadas no acompanhamento diário no dispositivo. Além de permitir o enlaçamento do sujeito ao meio social, através da construção do vínculo permite a desmistificação do paciente em sofrimento psíquico. Enquanto dispositivo, trabalhamos fortemente no processo de desconstrução da loucura enquanto sinônimo de periculosidade. Todos brincaram e se divertiram como qualquer outro cidadão”, disse.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email
Fechar Acessibilidade