Servidores das secretarias de Assistência Social e de Agricultura, incluindo o secretário da pasta, Dimas Tadeu, e o coordenador da Defesa Civil de São Pedro da Aldeia, Marcus Dothávio, participaram de uma ação social promovida pela Igreja Metodista de Campo Redondo. Entre as ações, foram realizadas palestras, além de serviços gratuitos à população, como corte de cabelo, manicure, bazar solidário, exame de vista, vacinação animal, distribuição de mudas de plantas, atendimentos da Fundação Leão XIII, cadastramento para programas sociais e assistência psicológica. Ao todo, 195 atendimentos foram realizados durante o mutirão social, beneficiando 82 pessoas.



O secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, destacou o apoio dado a projetos sociais da cidade. “Nós, como órgão público, procuramos sempre dar apoio a ações sociais como essa, junto às igrejas, associações de moradores e entidades sociais instaladas no município. Além do Campo Redondo, já participamos de mutirões no Balneário, Rua do Fogo, São Mateus e Eugênio de Moraes. Trabalhamos em forma de parceria com o objetivo de apoiar e fortalecer as ações em prol da população”, destacou.



Ao longo do evento, diversos atendimentos foram colocados à disposição da população. Em parceria com a Fundação Leão XIII, foram oferecidas isenções de segunda via de documentos como identidade, casamento e certidão de óbito. Uma equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos também esteve presente efetuando o cadastramento do público-alvo para programas sociais do Governo Federal, como o Bolsa Família.



Sob supervisão do secretário Dimas Tadeu, servidores da Secretaria de Agricultura ofereceram vacinação contra a raiva para cães e gatos, com a presença da veterinária da Sagat, Ana Carolina Leitão. Em parceria com o Horto Escola Artesanal, cerca de 40 mudas de plantas frutíferas e ornamentais foram distribuídas durante todo o dia, com limite de duas mudas por família. Entre as espécies doadas estiveram dracena, pingo-de-ouro, murta, begônia acerola, abiu, entre outras.



Na ocasião, o diretor da Defesa Civil aldeense, Marcus Dothávio, promoveu uma palestra sobre prevenção de acidentes domésticos e primeiros socorros. A programação incluiu uma aula prática voltada à simulação de situação de risco com gás de cozinha.

]]>

Deixe um comentário

Fechar Acessibilidade