Secretaria de Saúde promove capacitação a recepcionistas da rede

A Atenção e Humanização no atendimento a pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo foi o tema do encontro

Na tarde desta segunda-feira (22), a Secretaria de Saúde, por meio do Núcleo de Educação Permanente em Saúde – NEPS, promoveu capacitação aos recepcionistas das unidades de saúde municipais e também aos profissionais que trabalham no Pronto Socorro Municipal, além da presença de mães de crianças com TEA.

O tema do encontro foi a atenção à humanização no atendimento a pessoas com TEA – Transtorno do Espectro do Autismo, com o objetivo de atualizar os profissionais para melhor atender a esse público, entendendo suas necessidades. A ação teve colaboração da equipe pediátrica do Centro de Reabilitação Municipal, com participação da psicóloga Cecília Ferreira e da Fonoaudióloga Bartira da Veiga Neves.

O Transtorno do Espectro do Autismo se caracteriza por um distúrbio do neurodesenvolvimento, apresentando dificuldades comportamentais, déficits de interação e na comunicação. Pode acontecer também a repetição de comportamentos, como a alta ou baixa sensibilidade a estímulos de ordem sensorial, movimentos repetitivos e interesse fixo.

Pais e responsáveis devem estar atentos aos sinais de alerta ao longo do desenvolvimento da criança, que podem ser observados ainda nos primeiros meses de vida, possibilitando o diagnóstico entre os 2 a 3 anos de idade. A identificação precoce, o acompanhamento de pais, professores e profissionais da saúde podem, a longo prazo, colaborar para um crescimento saudável desses indivíduos, buscando promover e/ou facilitar a interação da criança com autismo com seus pares, independentemente de confirmação diagnóstica.

Agradecemos por participar do Censo LGBTQIA+

As informações coletadas serão importantes para quantificar a demanda de atendimento por parte da Secretaria de Assistência Social para a população LGBTQIA+

Se você deseja fazer um agendamento para atendimento com a nossa coordenadoria LGBTQIA+ Clique Aqui